PUB
Recheio 2024 Institucional

Famílias dispostas a gastar 500 euros no regresso às aulas

Famílias dispostas a gastar 500 euros no regresso às aulas

Dos inquiridos, 21% admite despender até 250 euros para preparar os filhos no regresso às aulas, menos 7% do que o verificado no ano passado. Também no escalão entre os 250 euros e os 500 euros se verifica um decréscimo: 26% em 2012 comparativamente com os 36% em 2011. O único escalão onde se verificou um aumento foi entre os 500 euros e os 750 euros. Em 2012, 20% dos inquiridos admite realizar uma despesa enquadrada neste último intervalo, um aumento de 7% em relação a 2011 (13%). A acompanhar o aumento médio no valor a gastar no regresso às aulas, está o valor médio gasto por pessoa que passou dos 381 euros no ano passado, para os 384 euros em 2012.Como forma de pagamento, 30% dos inquiridos com filhos em idade escolar admite que poderá utilizar cartão de crédito nas suas compras para o regresso às aulas, sendo que 11% destes afirma mesmo que o irá fazer.Esta análise foi realizada em colaboração com a Nielsen e aplicada, através de um inquérito quantitativo, a 600 indivíduos de Portugal Continental, de ambos os sexos, dos 18 aos 65 anos, entre o período de 26 a 27 Junho. O erro máximo é de +0,4 para um intervalo de confiança de 95%.

PUBLICIDADE - CONTINUE A LEITURA A SEGUIR
PUBLICIDADE

PUB
PD- Revista Sabe bem