PUB
Recheio 2024 Institucional

Exposição de Mr. Esgar inaugura no Museu do Porto

Exposição de Mr. Esgar inaugura no Museu do Porto

“Delírio & Cura”, a exposição de Mr. Esgar, inaugura este sábado, dia 13 de maio, às 12h30. O Gabinete Gráfico do Museu do Porto, situado no Foyer da Biblioteca Municipal Almeida Garrett, foi o local escolhido para acolher esta mostra.

Mr. Esgar, o “alter ego” de Arnaldo Pedro, também conhecido como Esgar Acelerado, mostra uma parte do seu portefólio, numa exibição que “percorrerá três-espaços-tempo” da sua obra. O artista plástico, ilustrador, editor e professor de artes é, “atualmente, um dos ilustradores mais respeitados na cena urbana artística underground portuense”, afirma a Ágora em comunicado. A curadoria da exposição está a cargo da investigadora e socióloga Paula Guerra e Rita Roque (Museu do Porto).

A viagem começa em 1990, com CRU, o “laboratório-fanzine de experimentação que surgiu pelas mãos de Esgar através da máquina de escrever de seu pai”. Esta fanzine era produzida artesanalmente com processos de corte, colagem, fotocopia e decalque, características que acompanham a obra do artista até hoje.

Alguns exemplares da Low Fly Records (1995 – 2006), “editora discográfica portuguesa fundada por Mr. Esgar”, serão também apresentados, tais como cartazes do Comix, o mítico bar que existiu na Rua de Cedofeita, no Porto, assim como a organização do Cais do Rock, “festival de referência no que tocou à divulgação de novas bandas portuguesas na Póvoa de Varzim”.

PUBLICIDADE - CONTINUE A LEITURA A SEGUIR

Entrando nos anos 2000, a mostra reflete os trabalhos de banda desenhada de Esgar na Superfuzz e na Mondo Bizarre, revista cultural independente, “onde o artista assumiu um papel multifacetado de contestação, questionando e esbatendo os limites da sátira, do humor e da crítica”.

Seguindo a viagem, a partir de 2010 ao presente, são exibidos os discos da Chaputa! Records (2013-), “uma editora de rock de garagem gerida por Esgar Acelerado e Themoteo Suspiro”; os trabalhos que deram origem ao “renascimento” do CRU; os cartazes para os bares Cave 45, já extinto, e Barracuda Clube de Roque, sito na Rua da Madeira, no Porto; e a KISMIF Conference, “um evento cultural internacional que promove a discussão sobre culturas underground, práticas DIY e artes urbanas”.

A exposição estará patente até ao dia 29 de julho e poderá ser visitada à segunda-feira, das 14h00 às 18h00, e de terça-feira a sábado, das 10h00 às 18h00. No dia da inauguração, 13 de maio, sábado, Mr. Esgar e as curadoras Paula Guerra e Rita Roque, “irão apresentar a exposição numa visita comentada”. A visita terá início às 12h30 e a entrada é gratuita, sujeita à lotação do espaço.

PUBLICIDADE

PUB
www.pingodoce.pt/pingodoce-institucional/revista-sabe-bem/uma-pascoa-saborosa-com-a-sabe-bem/?utm_source=vivaporto&utm_medium=banner&utm_term=banner&utm_content=0324-sabebem78&utm_campaign=sabebem