RECHEIO 50 ANOS

Estudo revela que portugueses estão com excesso de peso

Estudo revela que portugueses estão com excesso de peso

Há mais de dois anos que a pandemia de covid-19 afeta, diariamente, a vida dos portugueses, inclusive no que respeita há sensação de bem-estar. Entre os vários constrangimentos que a SARS-CoV-2 provocou, destaca-se, também, o aumento do excesso de peso.

Um estudo promovido pela “The 1:1 Diet by Cambridge Weight Plan” revelou que 35% dos adultos portugueses admitiram terem sofrido aumento de peso durante o confinamento. Uma tendência que resultou, em média, em mais sete quilos.

Entre os portugueses afetados pelo aumento de peso, a grande maioria (63%) indicou que isso se traduziu em níveis de energia baixos, seguido do sentimento de uma pior sensação de bem-estar (50%) e da existência de alterações no sono (44%). Além disso, 37% dos portugueses referiram ainda sentir-se pior a nível de saúde e 22% que a capacidade do seu corpo prevenir doenças e infeções teria baixado.

Os dados revelaram que, a nível geográfico, o Porto e Norte reúne um dos valores mais elevados de indivíduos com excesso de peso (52%). O pódio é liderado por Coimbra e Centro, com 56%, seguindo-se o Alentejo, com 50%, a zona de Lisboa, com 46%, e o Algarve, com 32%.

Em resultado das consequências supracitadas, quatro em cada 10 adultos portugueses (46%) manifestam vontade de perder peso. O desejo em causa realça-se junto das mulheres, com 53% a quererem perder peso, contra 38% dos homens.

De acordo com o estudo, mais de metade dos portugueses (53%) com excesso de peso concorda que isso “influencia negativamente o seu humor”.

Uma percentagem significativa dos inquiridos (30%) admitiu não conseguir fazer dieta sozinho, isto é, sem o acompanhamento de um profissional de nutrição, 35% que as dietas que adota “nunca resultam em mudanças duradouras” e, por último, 68% assegurou sentir-se frustrado quando não vê resultados com as dietas que faz.

PUB
www.pingodoce.pt/responsabilidade/bairro-feliz/?utm_source=cm&utm_medium=banner&utm_term=leaderboardmobile&utm_content=candidaturas&utm_campaign=bairrofeliz

Viva! no Instagram. Siga-nos.