Santander Escolhas 2

Escultura “António Nobre e as Musas” alvo de nova restauração

Escultura “António Nobre e as Musas” alvo de nova restauração

O conjunto escultórico “António Nobre e as Musas”, junto ao Farol da Boa Nova, em Leça da Palmeira, foi vandalizado e por esta razão será novamente restaurado.

Após um mês da mais recente restauração, a peça terá de ser intervencionada por um ato de vandalismo onde retiraram o pé da escultura.

“À semelhança de outras ocasiões, foi retirado, no passado dia 11 de novembro, o pé de uma das musas. A autarquia tinha já anteriormente reposto a peça em falta, recorrendo à modelação de um novo elemento, não em bronze, mas num material menos nobre, já com o intuito de dissuadir atos de vandalismo”, pode ler-se no portal da Câmara de Matosinhos.

António Nobre nasceu na cidade do Porto a 16 de agosto de 1867. O livro de poesia “Só” foi a sua única obra publicada em vida, já que faleceu na Foz do Douro, a 18 de março de 1900, com apenas 32 anos de idade, na casa do seu irmão Augusto Nobre, reputado biólogo e professor da Universidade do Porto.

Os restos mortais de António Nobre foram trasladados em 1946 para o cemitério de Leça da Palmeira, por decisão do seu irmão.

Fotografia: Cm Matosinhos

PUB
www.pingodoce.pt/pingodoce-institucional/revista-sabe-bem/sinta-o-natal-com-a-sabe-bem/?utm_source=cm&utm_medium=banner&utm_term=leaderboardmobile&utm_content=sabebem70&utm_campaign=sabebemfazbem