RECHEIO 50 ANOS

Ensino Superior: Portugal abaixo da média da OCDE no apoio financeiro

“Muitos países com boas taxas de entrada nas universidades partilham uma coisa em comum: robustos sistemas de ajuda aos estudantes”, avança o documento.
Os responsáveis consideram que, combinando meios testados com subsídios de renda e empréstimos, é possível promover o acesso e a equidade, bem como melhores resultados dos alunos. Segundo dados de 2008 relativos aos subsídios públicos para educação superior, o nosso país tinha apenas o sistema de bolsas de estudo e residências, enquanto outros países combinavam já esta com outras modalidades, designadamente empréstimos a estudantes e transferências e pagamentos a outras entidades privadas.
PUB
www.pingodoce.pt/produtos/comida-fresca/encomendas/menu-seleccao-do-chef/?utm_source=cm&utm_medium=banner&utm_term=leaderboardmobile&utm_campaign=menuchef