PUB
Recheio 2024 Institucional

Empresas do Porto de Leixões e do Porto de Viana fundem-se

Empresas do Porto de Leixões e do Porto de Viana fundem-se

PUBLICIDADE - CONTINUE A LEITURA A SEGUIR
APDL garante que não haverá despedimentos na sequência do processo de fusão.

As empresas do Porto do Douro e Leixões e do Porto de Viana uniram-se, este ano, com o objetivo de criar sinergias, potenciar a melhoria da eficiência da gestão e reduzir os custos administrativos e de funcionamento. Desta forma, a partir do dia 1 deste mês, a Administração dos Portos do Douro e Leixões passou a designar-se Administração dos Portos do Douro, Leixões e Viana do Castelo (APDL).
Em comunicado, a entidade explicou que a fusão, realizada “num ambiente laboral e profissional de grande tranquilidade”, permite vantagens como a criação de sinergias e a racionalização dos recursos técnicos, humanos e financeiros. Entre os benefícios enumerados estão ainda o aumento da operacionalidade, a redução dos custos administrativos e o acréscimo da capacidade negocial junto dos fornecedores e instituições financeiras. Fonte oficial da APDL assegurou à Lusa que não haverá despedimentos.
De referir que a entidade mantém o seu Conselho de Administração, centrando a estratégia de gestão da nova empresa “na definição de um novo modelo de negócio e desenvolvimento de exploração da atividade do Porto de Viana do Castelo”.

PUBLICIDADE

PUB
www.pingodoce.pt/pingodoce-institucional/revista-sabe-bem/novo-ano-nova-sabe-bem/?utm_source=vivaporto&utm_medium=cpc&utm_campaign=sabebem&utm_term=leaderboardmobile