CM Matosinhos

Empresa de Matosinhos vence prémio New European Bauhaus

Empresa de Matosinhos vence prémio New European Bauhaus

O CEiiA – Centro de Engenharia e Desenvolvimento, é o vencedor do New European Bauhaus na categoria de Produtos e Estilo de Vida com a plataforma de sustentabilidade AYR.

A entrega do prémio decorreu hoje, em Bruxelas, pela Comissão Europeia e foi selecionado por um júri composto por 80 personalidades de vários setores e países da União Europeia.

O AYR é “uma plataforma de sustentabilidade que recompensa as pessoas e comunidades por não emitirem dióxido de carbono (CO2) – em vez de fazê-las pagar pelas suas emissões”. Baseando-se em tecnologia Blockchain, permite criar um mercado local de emissões evitadas onde os cidadãos podem transacionar AYRs por bens e serviços sustentáveis.

“Os utilizadores podem trocar esses créditos por outros serviços e as empresas podem compensar localmente a sua pegada de carbono, contribuindo para a acelerar a transição global para cidades neutras em carbono”, refere, em comunicado enviado à Lusa, o centro de excelência situado em Matosinhos.

Luísa Salgueiro, presidente da Câmara de Matosinhos, começou por “felicitar toda a equipa do CEiiA por esta importante vitória, é fruto do trabalho de excelência que tem vindo a desenvolver em Matosinhos e que nos enche de orgulho. Este prémio vem demonstrar que estamos a seguir o caminho certo rumo à descarbonização.
O reconhecimento da União Europeia sustenta a nossa ambição de transformar Matosinhos numa das primeiras cidades da Europa neutras em carbono, fazendo-o não só através da Mobilidade, mas também adotando medidas que melhorem a qualidade de vida dos cidadãos e que promovam a sustentabilidade nas suas três dimensões: social, económica e ambiental”.

Já o CEO do CEiiA, José Rui Felizardo, refere que o “AYR é um dos projetos mais desafiantes e transformacionais da história do CEIIA. É um projeto pensado a partir das pessoas e em que a tecnologia é apenas o meio para que o cidadão possa participar de forma proactiva na descarbonização das cidades. É um projeto que envolve várias gerações, começando por aqueles que se sentam no banco da escola e com quem o CEiiA teve o privilégio de colaborar nos últimos dois anos. É um projeto concebido e testado em ambiente real, na nossa cidade de Matosinhos e que foi inspiracional para o desenvolvimento de produtos ciber-fisicos numa nova dimensão estética na mobilidade”.

PUB
www.pingodoce.pt/pingodoce-institucional/revista-sabe-bem/gastronomia-dos-acores-e-madeira-na-sabe-bem-de-outono/?utm_source=vivaporto&utm_medium=banner&utm_term=banner&utm_content=240921-ta5&utm_campaign=sabebem63

Viva! no Instagram. Siga-nos.