PUB
Recheio 2024 Institucional

Cursos superiores profissionais de dois anos aprovados pelo Governo

Cursos superiores profissionais de dois anos aprovados pelo Governo

PUBLICIDADE - CONTINUE A LEITURA A SEGUIR
“Alargar e diversificar o espectro da oferta do ensino superior em Portugal e, por essa via, aumentar o número de cidadãos com qualificações superiores necessárias ao país” é o objetivo da medida.

O Conselho de Ministros aprovou esta quinta-feira o diploma que permite a criação de cursos técnicos superiores profissionais nos institutos politécnicos, com a duração de dois anos. De acordo com o comunicado do Conselho de Ministros, trata-se de um novo tipo de formação “não conferente de grau”, que tem como objetivo “alargar e diversificar o espectro da oferta do ensino superior em Portugal e, por essa via, aumentar o número de cidadãos com qualificações superiores necessárias ao país”.
Na apresentação do diploma, o secretário de Estado do Ensino Superior, José Ferreira Gomes, disse esperar que os cursos “comecem a funcionar em setembro, outubro” deste ano. O valor das propinas deverá ser “substancialmente abaixo do valor máximo autorizado para as licenciaturas atualmente”, defendeu o responsável. O secretário de Estado informou ainda que os cursos serão compostos por “um ano com componente geral muito forte” e por “um segundo ano com uma componente de formação profissional em sala de aula, juntamente com um estágio numa empresa”. A decisão relativa ao número de vagas ficará nas mãos de cada instituição.

PUBLICIDADE

PUB
Prémio Literatura Infantil Pingo Doce