PUB
Recheio 2024 Institucional

Comerciantes do Porto querem discutir medidas de combate à criminalidade

Comerciantes do Porto querem discutir medidas de combate à criminalidade
Depois do assalto registado, este sábado, numa ourivesaria situada na rua de Santa Catarina, a Associação dos Comerciantes do Porto afirmou que vai pedir reuniões de trabalho com o ministro Miguel Macedo, o Comando Metropolitano da Polícia de Segurança Pública (PSP) e o Conselho Municipal de Segurança.

PUBLICIDADE - CONTINUE A LEITURA A SEGUIR

A Associação dos Comerciantes do Porto (ACP) avançou, este domingo, que pretende pedir uma reunião ao ministro da Administração Interna e às autoridades policiais e camarárias da cidade, na sequência do assaltado de sábado na rua de Santa Catarina. Promover a discussão de “medidas de combate à criminalidade” é o grande objetivo do presidente da ACP, Nuno Camilo, que assumiu a vontade de agendar encontros de trabalho com o ministro Miguel Macedo, o Comando Metropolitano da Polícia de Segurança Pública (PSP) do Porto e o Conselho Municipal de Segurança. Para a ACP, existem, hoje, esquadras da PSP espalhadas pela cidade que apenas têm “funções administrativas, o que significa que os agentes que estão no seu interior não podem deslocar-se ao exterior para responder a qualquer ocorrência”. “Em 2010, foi lançado pela Associação dos Comerciantes do Porto e pelo Governo Civil do Porto um projeto intitulado comércio seguro. Esta parceria disponibilizou dois novos veículos, nomeadamente dois carros elétricos e 16 agentes da PSP para apoio à atividade comercial. Defendemos a sua continuação, bem como o reforço de novos recursos logísticos e humanos para um projeto similar”, salientou a instituição, que apela ainda a um reforço do número de agentes policiais na cidade.
Uma ourivesaria situada na rua de Santa Catarina foi assaltada, este sábado, a meio da manhã, por quatro indivíduos com uma arma de fogo e pés-de-cabra. Do incidente não resultaram feridos.

PUBLICIDADE

PUB
Prémio Literatura Infantil Pingo Doce