PUB
Recheio 2024 Profissional

Câmara lança “Porto Solidário” para apoiar os mais carenciados

PUBLICIDADE - CONTINUE A LEITURA A SEGUIR
O programa lançado pela autarquia portuense é “um apoio financeiro temporário a agregados familiares carenciados em situação de emergência habitacional grave”.

Os portuenses com graves dificuldades financeiras e em situação de pobreza vão poder, agora, candidatar-se ao programa “Porto Solidário”, um fundo criado pela autarquia para apoiar os mais carenciados.
A iniciativa, que entrou em vigor esta quarta-feira, destina-se a todos aqueles que residirem no concelho do Porto há três ou mais anos “anteriores à data da apresentação da candidatura ao eixo de Apoio à Habitação”, com graves dificuldades financeiras e em situação de pobreza. De acordo com a página oficial do projeto, o “Porto Solidário” é “um apoio financeiro temporário a agregados familiares carenciados em situação de emergência habitacional grave”. A ajuda tem a duração de 12 meses, sendo que, após o cálculo do apoio à renda, é atribuída a cada pessoa ou agregado familiar na forma de 350 euros. Os candidatos têm de ter idade igual ou superior a 18 anos.

PUBLICIDADE

PUB
www.pingodoce.pt/pingodoce-institucional/revista-sabe-bem/uma-pascoa-saborosa-com-a-sabe-bem/?utm_source=vivaporto&utm_medium=banner&utm_term=banner&utm_content=0324-sabebem78&utm_campaign=sabebem