Sabor do mês PD - peixe

Câmara do Porto quer disponibilizar alojamento para estudantes na Baixa

Câmara do Porto quer disponibilizar alojamento para estudantes na Baixa

A Câmara Municipal do Porto pretende ceder uma fração autónoma de um imóvel municipal na Rua da Bainharia à Federação Académica do Porto (FAP) para “alojamento para estudantes com maiores carências socioeconómicas”.

A proposta, assinada pelos vereadores com os pelouros da Educação e Juventude e Urbanismo e Espaço Público e Pelouro da Habitação, respetivamente, Catarina Araújo e Pedro Baganha, vai ser votada na reunião do executivo da próxima segunda-feira, 21 de março.

Com esta iniciativa, o município liderado por Rui Moreira pretende colmatar a “falta de resposta estruturada para os estudantes de classe média e média-baixa” que ainda existe.

“As carências de alojamento estudantil na cidade justificam que a Academia e a Câmara congreguem esforços para a criação de uma nova oferta de alojamento estudantil já no próximo ano letivo, prestando esse serviço aos estudantes a preços controlados”, refere o documento.

Segundo adianta, o processo de seleção deverá ter por base um conjunto de “critérios específicos, nomeadamente de carência socioeconómica”.

Com esta concessão, a Câmara do Porto pretende beneficiar “os vários estudantes da Academia do Porto, independentemente do subsistema de ensino ao qual estejam afetos”.

De referir que o apoio em causa se traduz numa verba superior a 307 mil euros. O imóvel será cedido à FAP pelo prazo de 30 anos pelo “valor simbólico” de 50 euros mensais.

PUB
www.pingodoce.pt/pingodoce-institucional/revista-sabe-bem/diga-ola-ao-verao-com-a-sabe-bem/?utm_source=cm&utm_medium=banner&utm_term=leaderboardmobile&utm_content=sabebem&utm_campaign=sabebem