Encomendas de Comida Fresca Natal - PD

Câmara do Porto apresenta documentos inéditos de espiões e artistas refugiados em Portugal

Câmara do Porto apresenta documentos inéditos de espiões e artistas refugiados em Portugal

A Câmara Municipal do Porto apresenta documentos inéditos de espiões e artistas refugiados em Portugal na II Guerra Mundial, na exposição “1941: Guggenheim and Fleming, Artists & Spies in WWII Portugal”, que abre ao público na próxima segunda-feira, no átrio dos Paços do Concelho.

A mostra expositiva, da autoria de Neill Lochery, autor e historiador escocês radicado no Porto, assinala o regresso da utilização do átrio dos Paços do Concelho à apresentação de exposições, depois de dois anos encerrado devido à situação pandémica.

No total, são 106 peças expostas, entre fotografias, documentos e vídeos inéditos, recolhidos entre a Europa e os Estados Unidos, que resultam de “15 anos de pesquisa de Neill Lockery sobre o papel de Portugal como refúgio para espiões e artistas durante a II Guerra Mundial”, avança a autarquia.

“Igualmente responsável pelos textos do catálogo que acompanha a exposição, Neill Lochery pretende destacar com este trabalho a contribuição de Portugal ao assumir-se não só como local de passagem segura para artistas durante a II Guerra Mundial, mas como inspiração para a literatura de espionagem a nível mundial”, lê-se na nota divulgada.

A exposição “1941: Guggenheim and Fleming, Artists & Spies in WWII Portugal” pode ser visitada, gratuitamente, a partir de segunda-feira, 4 de abril, nos dias úteis, entre as 09h00 e as 17h00.

PUB
www.youtube.com/watch?v=sGBN85XLjXI/?utm_source=cm&utm_medium=banner&utm_term=leaderboardmobile&utm_campaign=natal