CIN

Bruxelas aprova medidas alternativas ao aumento da TSU

Bruxelas aprova medidas alternativas ao aumento da TSU

O líder da CE considerou que o programa apresentado «é essencial para que Portugal possa continuar a dispor de financiamento», frisando ser também indispensável para os portugueses «um certo consenso à volta de um programa que deve ser respeitado». «Estou absolutamente esperançado que os governos da zona euro vão seguir a recomendação da Comissão, que é a de libertar a tranche para Portugal, já no próximo dia 8 de outubro”, ou seja, “não vai haver entrave por causa daquilo que foi em Portugal a alteração de uma das medidas apresentadas pelo Governo».

PUB
Pingo Doce Sabe Bem

Viva! no Instagram. Siga-nos.