PUB
Junta da Galiza

Bob Dylan regressa ao Porto para um concerto “livre de telemóveis”

Bob Dylan regressa ao Porto para um concerto “livre de telemóveis”

Bob Dylan, figura incontornável da cultura popular americana, regressa à cidade Invicta para um concerto único. O músico de 81 anos, e com mais de 50 anos de carreira, que é considerado um dos maiores artistas do mundo, pisará o palco do Coliseu do Porto no dia 2 de junho.

O vasto reportório de temas intemporais como “Blowin’ in the Wind”, “The Times They are A-Chagin”, “A Hard Rain’s A-Gonna Fall”, “Mr Tambourine Man” e o aclamado “Like a Rolling Stone” tornou Dylan “um dos músicos com mais vendas de todos os tempos”, contando com “mais de 125 milhões de discos vendidos em todo o mundo”, segundo a informação divulgada pela promotora. Além disso, conta com um lugar cativo no Rock and Roll Hall of Fame e vários prémios “incluindo a Medalha Presidencial da Liberdade, dez GRAMMYs®, um Globo de Ouro e um Oscar”.

O concerto na Invicta prima pela diferença, uma vez que será “livre de telemóveis”. “Assim que chegar à sala de espetáculo, a Yondr (empresa de bolsas de telefone especiais contratada para este concerto) terá uma equipa dedicada que disponibiliza uma bolsa para o seu telefone, que ficará devidamente trancado, no entanto poderá ficar em posse do seu telefone durante toda a noite”, sendo um “acordo inegociável”, salvas raras exceções por motivos de saúde, lê-se.

Na página oficial de Facebook da promotora, os internautas indignaram-se com o preço de acesso ao espetáculo, assim como o preço acrescido de 5 euros para aquisição desta “bolsa” obrigatória.

PUBLICIDADE - CONTINUE A LEITURA A SEGUIR

Os bilhetes ficam disponíveis no dia 15 de março e o preço varia entre os 50 e 165 euros.

Além do concerto no Porto, a promotora anunciou ainda duas datas para a capital portuguesa. Bob Dylan vai atuar em Lisboa, nos dias 4 e 5 de junho, no Campo Pequeno.

Foto: Coliseu do Porto

PUBLICIDADE

PUB
Prémio Literatura Infantil Pingo Doce