PUB
Recheio 2024 Profissional

BES: Governo diz que “haverá seguramente” impacto na economia portuguesa

BES: Governo diz que
“Haverá impactos na economia portuguesa? Haverá seguramente. Espero que a economia portuguesa tenha resiliência”, disse o ministro da Presidência e dos Assuntos Parlamentares, Marques Guedes.

PUBLICIDADE - CONTINUE A LEITURA A SEGUIR

“Uma economia como a portuguesa ressente-se com a situação de um grupo tão grande como é o caso do Grupo Espírito Santo”, afirmou Marques Guedes, na conferência de imprensa após a reunião do Conselho de Ministros de hoje.
“Haverá impactos para a economia? Haverá seguramente. Espero que a economia portuguesa tenha resiliência suficiente para poder reagir positivamente a mais este revés que, no fundo, não deixa de ser um revés bastante importante atendendo à dimensão do grupo económico que está em causa”, disse o governante.
O BES anunciou na quarta-feira um resultado líquido negativo de 3.577,3 milhões de euros nos primeiros seis meses do ano, um valor que compara com o prejuízo de 237,4 milhões de euros, apurado no primeiro semestre de 2013.
Vítor Bento, novo presidente executivo do BES, assegurou, logo após a divulgação dos resultados semestrais do banco, que a instituição vai avançar imediatamente com um aumento de capital.
O Banco de Portugal revelou que factos recentemente descobertos no BES apontam para a “prática de atos de gestão gravemente prejudiciais” e admite consequências contraordenacionais e até criminais para a ex-equipa de gestão liderada por Ricardo Salgado. No entanto, o supervisor assegurou que o BES tem condições para manter a sua atividade e garante a “plena proteção dos interesses dos depositantes”.

PUBLICIDADE

PUB
PD- Revista Sabe bem