PUB
Junta da Galiza

Assunção Cristas garante apoio até 75% para produções agrícolas destruídas

Assunção Cristas garante apoio até 75% para produções agrícolas destruídas

De acordo com a responsável, os agricultores visados podem recorrer ao PRODER (Programa de Desenvolvimento Rural), medida que apresenta “um grau de comparticipação mais elevado do que é normal – 75%”. Assunção Cristas esteve na Póvoa de Varzim e visitou uma das explorações agrícolas que, durante o fim de semana, foi fustigada pelo mau tempo. Segundo o proprietário da produção, que ficou com as suas estufas “destruídas quase na totalidade”, além dos “plásticos e das estruturas terem sido arrasados pelo vento”, também “ficou comprometida a produção que ia sair agora para os mercados, assim como o que iria ser plantando nos meses de verão”.
O presidente da associação que representa os horticultores da Póvoa de Varzim (Horpozim) afirmou esperar que “a simpatia da ministra se traduza em atos” e que “os apoios cheguem rapidamente”. Carlos Alberto Lino aproveitou ainda para apelar ao Governo que o levantamento dos estragos seja feito de “forma célere, porque está em causa a sobrevivência de milhares de famílias” que dependem destas duas mil explorações que, quase na sua totalidade, foram afetadas.

PUBLICIDADE

PUB
www.pingodoce.pt/pingodoce-institucional/revista-sabe-bem/uma-pascoa-saborosa-com-a-sabe-bem/?utm_source=vivaporto&utm_medium=banner&utm_term=banner&utm_content=0324-sabebem78&utm_campaign=sabebem