PUB
CIN - Branco Perfeito

As 5 tendências das redes sociais em 2023

As 5 tendências das redes sociais em 2023

Com a utilização das redes sociais em grande escala a fazer parte da vida quotidiana, muitas pessoas, empresas e organizações continuam a inovar e a explorar novas abordagens para manter o conteúdo atualizado e atrativo. Esse fenómeno tem sido traduzido em novas oportunidades para indústrias e negócios. 

Conteúdo de vídeo curto e em direto

É esperado que o conteúdo de vídeo seja o formato principal das redes sociais. Com a evolução das tendências geracionais, vídeos de longa duração estão a perder popularidade à medida que mais consumidores preferem vídeos mais curtos e em formato de stories. Estes vídeos podem incluir a narração de uma história, a demonstração de um produto, a promoção de eventos ou a partilha de comunicações.

Muitas abordagens nessas plataformas recorrem ao live streaming para se envolverem com os consumidores de forma mais próxima. Este formato se tem tornado popular também devido aos eventos e-sports (mercado com avaliação em mais de 163 mil milhões de dólares), muitos dos quais envolvem games. Especialmente pessoas com idades entre os 30 e 40 anos (os chamados Millennials) continuam a ser a audiência mais ativa e emocionalmente mais conectada aos videojogos, devido a terem crescido com a evolução desta modalidade numa altura em que era limitado o acesso à internet. Assim, o live streaming possui muitos consumidores desta geração. Estas transmissões em direto, juntamente com os vídeos de curta duração, prometem dominar o presente e o futuro das redes sociais.

Oportunidades para novos influenciadores

As redes sociais contam com um aumento elevado de influenciadores que promovem marcas de todas as indústrias. Isto revela-se como novas oportunidades para criadores de conteúdo, que podem descobrir e desenvolver fontes de rendimento próprias através dos resultados. 

Além disso, é um investimento que não é tão caro como outras formas de publicidade ou campanhas de marketing e que chega a várias audiências. Existem também iniciativas das próprias redes sociais, como o LinkedIn Creator Accelerator, que ajuda criadores a construir comunidades.

Realidade aumentada e virtual

As tecnologias avançadas de realidade aumentada e virtual permitem um maior envolvimento com os utilizadores. Embora muito do desenvolvimento esteja numa fase quase experimental e básica, é possível observar ferramentas inteligentes implementadas nas redes sociais que começam a ficar mais sofisticadas. 

Embora muito da tecnologia atual se limite à capacidade de usar a câmera para aplicar filtros, existe muito espaço de crescimento para tornar o uso de redes sociais mais interativo e funcional.

Segmentação local

A utilização da segmentação local baseada na localização, a qual dá acesso a conteúdos mais interessantes, permite às empresas atrair consumidores locais e aos utilizadores encontrarem resultados mais relevantes. Esta é uma forma comum de encontrar os locais e utilizar a georreferenciação nos conteúdos das redes sociais para atingir um público-alvo.

O Instagram possui uma opção de pesquisa de localização. No Facebook, por outro lado, as empresas podem aumentar a visualização de uma publicação para uma audiência mais específica através de definições baseadas na localização.

Inteligência artificial e criação de conteúdo

Com a introdução do Chat GPT, muita discussão começou nas oportunidades oferecidas pelas ferramentas de inteligência artificial avançadas. A popularidade em torno destas funcionalidades irá certamente explorar novas ideias e abordagens ao desenvolvimento de conteúdo.

É esperado que a inteligência artificial seja aproveitada para oferecer recomendações ao utilizador e personalizar os resultados com algoritmos inteligentes que consideram cada indivíduo. Embora exista também muita controvérsia na disponibilização a código aberto, muito potencial pode ser aproveitado para as áreas de comunicação.

As tendências das redes sociais para este ano apontam para uma continuação do aproveitamento das tecnologias e aperfeiçoamento dos algoritmos para a sua otimização. Conteúdos de vídeos condensados e diretos já fazem parte da fórmula perfeita para o consumo em massa, mas oferecem também novas oportunidades para influencers. As tecnologias e ferramentas inteligentes vão certamente trazer novas abordagens na interação com as plataformas do futuro.

Foto: Pixabay

Artigo patrocinado

PUB
PD- Revista Sabe bem