PUB
Recheio 2024 Institucional

Aproxima-se mais uma edição do Laurus Nobilis em Famalicão

Aproxima-se mais uma edição do Laurus Nobilis em Famalicão

Em Vila Nova de Famalicão está quase tudo pronto para receber os festivaleiros do Laurus Nobilis 2018. O festival de música tem regresso marcado à freguesia do Louro de 26 a 28 de julho, com muitos nomes nacionais e internacionais do Heavy Metal e Rock Alternativo em cartaz.

Refira-se o caso dos veteranos Septic Flesh. A banda grega, fundada em 1990 e pioneira no estilo “Death Metal Sinfónico”, atua no festival já na sexta-feira, dia 27, num concerto onde o grupo dará a conhecer ao público português alguns dos temas que compõem o seu último álbum – Codex Omega – lançado no final de 2017.

A banda vai atuar no palco principal do festival, que funcionará nos dias 27 e 28. Aos Septic Flesh, juntam-se os portugueses Wills Have Eyes, Mata Ratos, e Equaleft no cartaz da segunda noite do evento.   

Já no terceiro e último dia do Laurus Nobilis, o grande destaque vai para a atuação dos suecos Dark Tranquility e dos espanhóis Crisix, que se juntam aos portugueses The Temple e Tarantula.

PUBLICIDADE - CONTINUE A LEITURA A SEGUIR

“Para além do palco principal (Palco Porminho), este ano o festival vai ainda contar com mais dois palcos gratuitos: um palco secundário (Palco Estrella Galicia) que contará com mais de uma dezena de atuações de bandas nacionais, como os Infraktor, Cruz de Ferro, Nine o Nine, Web, Godiva, Revolution Within, e um terceiro palco (Palco Faz a Tua Cena) dedicado a projetos emergentes na área da música e do teatro”, revela nota enviada às redações.

“Temos um cartaz para quem gosta de música à séria, mas sobretudo temos a preocupação e o objetivo de dar palco a bandas portuguesas, além dos cabeças de cartaz”, explica José Aguiar, da organização do festival.  

Ainda há bilhetes disponíveis. Estão à venda nos locais habituais, entre eles a Bilheteira Online, a Casa das Artes de Vila Nova de Famalicão e a Loja Interativa de Turismo de Famalicão. A entrada no primeiro dia é gratuita, os bilhetes diários para os dias 27 e 28 têm o custo de 20 euros, sendo que o passe para os dois dias tem o custo de 30 euros.

Refira-se ainda que o recinto do festival dispõe de uma praça de restauração e de uma zona de campismo gratuita.

PUBLICIDADE

PUB
www.pingodoce.pt/pingodoce-institucional/revista-sabe-bem/novo-ano-nova-sabe-bem/?utm_source=vivaporto&utm_medium=cpc&utm_campaign=sabebem&utm_term=leaderboardmobile