PUB
Recheio 2024 Institucional

716 medicamentos em falta nas farmácias

As farmácias têm em falta 716 medicamentos, 43 dos quais sem qualquer alternativa terapêutica. Aqueles fármacos têm de ser importados, o que nem sempre é fácil, dizem as farmácias.

PUBLICIDADE - CONTINUE A LEITURA A SEGUIR

A Autoridade Nacional do Medicamento (Infarmed) tem conhecimento da existência de 716 medicamentos em rutura de stock nas farmácias portuguesas, 6% dos quais (43 fármacos) não têm alternativa terapêutica. Trata-se essencialmente de medicamentos antipsicóticos, antiepiléticos, heparinas (anticoagulantes e antiplaquetários), dopaminométicos (usados no tratamento da doença de Parkinson) e medicamentos para a disfunção erétil, de acordo com as farmácias.

PUBLICIDADE

PUB
PD-Bairro Feliz