Sogrape

5,5 milhões de euros. Receita de taxa turística no Porto cai 63,3%

5,5 milhões de euros. Receita de taxa turística no Porto cai 63,3%

A receita da taxa turística no Porto relativa ao ano de 2020 caiu 63,3%, para 5,5 milhões de euros, contrastando com os quase 15 milhões de euros de receita obtidos em 2019.

Fonte da autarquia adiantou à agência Lusa que a receita da taxa turística no Porto relativa ao ano de 2020 foi de “5.465.431 euros”, uma quebra de 9,5 milhões de euros (63,3%) quando comparada à receita da taxa turística de “14.893.786” em 2019.

A taxa turística municipal do Porto entrou em vigor a 1 de março de 2018, com um valor de dois euros por dormida, aplicado a hóspedes com mais de 13 anos, num máximo de sete noites seguidas.

Nesse ano, a autarquia arrecadou 10,4 milhões de euros com a taxa turística, aplicada a “mais de 5,2 milhões de dormidas”.

De referir que as receitas provenientes da sua cobrança servirão “como forma de financiamento para a melhoria de um conjunto de atividades e investimentos promovidos pela Câmara Municipal relacionados com a atividade turística, nomeadamente, a preservação ambiental da cidade, comércio tradicional, histórico e de proximidade, obras de melhoramento de domínio público e privado municipal e pelas dinamizações culturais e recreativas, disseminadas por toda a cidade”, lê-se na página da Câmara do Porto.

Recorde-se que o turismo é um dos setores mais afetados pela pandemia da Covid-19.

De acordo com a estimativa rápida do Instituto Nacional de Estatística (INE), divulgada esta semana, em 2020 foram registados apenas 10,5 milhões de hóspedes e 26 milhões de dormidas, menos 61% e 63%, respetivamente, do que em 2019. A contribuir para este número estiveram, sobretudo, os turistas nacionais, com 13,6 milhões de dormidas, enquanto os turistas estrangeiros representaram 12,3 milhões de dormidas.

PUB
www.pingodoce.pt/campanhas/sabor-do-mes/?utm_source=cm&utm_medium=banner&utm_term=leaderboardmobile&utm_content=peixe&utm_campaign=sabordomes