PUB
Junta da Galiza

5 passeios de bicicleta ideais para fazer no Porto

5 passeios de bicicleta ideais para fazer no Porto

O bom tempo começa, aos poucos, a espreitar, e o que apetece mesmo é sair de casa e aproveitar o que o ar livre tem para oferecer. Posto isto, ainda bem que estamos no Porto, onde há soluções para quase todos os planos.

Desta vez, sugerimos-te cinco locais perfeitos para um passeio de bicicleta, na cidade ou nos seus arredores. Sendo assim, se te apetecer acordar um bocadinho mais cedo ao domingo de manhã, para aproveitar o dia, podes sempre ter em conta estas sugestões.

1- Ciclovia da Foz

Ir andar de bicicleta para a Foz nunca tem como dar errado. A ciclovia inicia-se no Parque da Cidade e termina na Foz da Ribeira da Granja, com um caminho de quase 5 quilómetros.

Uma característica boa sobre este trilho é o facto de não ter grandes subidas, o que é mais agradável para dar um bom passeio de bicicleta. O caminho passa por zonas de praia e, como seria de prever, a paisagem é bastante bonita.

2- Passadiços de Rio Tinto

Os passadiços de Rio Tinto são relativamente recentes, no entanto, principalmente em dias de sol, é frequente vê-los recheados de pessoas. Muitas delas levam, por vezes, consigo, as bicicletas.

O percurso começa junto ao Parque Urbano de Rio Tinto, muito perto do acesso ao Parque Nascente, e vai até ao Freixo. No total, são cerca de 6,5 quilómetros, entre zonas verdes e riachos. 

3- Ciclovia do Pólo Universitário

PUBLICIDADE - CONTINUE A LEITURA A SEGUIR

No caso de ainda não ter reparado, a zona do Pólo Universitário está, agora, revestida de uma zona verdade, perfeita para caminhadas e para passeios de bicicleta.

Se decidir andar de bicicleta por aí, o que não falta é arvoredo e sombras, num percurso com uma extensão de cerca de 3 quilómetros.

4- Avenida da Conduta

Este, possivelmente, ficar-lhe-á um bocadinho mais à desamão, mas é também ideal para andar de bicicleta. A Avenida da Conduta fica em Gondomar, é bastante extensa, e passa, por exemplo, pelo Parque Urbano de Fânzeres.

Nos passeios, há quilómetros com faixas destinadas a ciclistas, ainda que esteja sujeito a algumas subidas e descidas. Se o objetivo for puxar pelo físico, é, sem dúvida, uma boa alternativa.

De salientar, ainda, que no próprio Parque Urbano existem uns pequenos passadiços com bastante arvoredo à volta, por onde pode fazer um pequeno desvio, se assim considerar.

5- Ciclovia da Praia da Aguda

Para acabar, nada como sugerir uma ciclovia, onde pode sentir o cheiro a maresia. Na Praia de Aguda, para além de todo o seu areal e de poder ir dar um mergulho se assim entender, tem, ao lado, uma ciclovia perfeita para esticar as pernas.

Fotografia: Pexels

PUBLICIDADE

PUB
PD- Revista Sabe bem