Sogrape

Tempêro d’Maria

Tempêro d’Maria

Abriu portas há cerca de cinco anos e, até agora, está a ser um “verdadeiro sucesso”, afirma Filipa Costa, a proprietária do espaço, que presta uma homenagem à avó. Era da sua casa, situada no piso superior do restaurante, que a avó Maria costumava vigiar o projeto da neta e “rezar” para que todos entrassem todos na sua porta, revela-nos, sorridente.

Os pratos são portugueses e da carta fazem parte a francesinha, “era obrigatório”, e o folhado de alheira, uma entrada que “também se vende muito bem”....

Ver Mais