Philips

Gondomar abate 27 árvores “por não garantirem a estabilidade necessária”

Gondomar abate 27 árvores “por não garantirem a estabilidade necessária”

De forma a “prevenir acidentes” e “garantir a manutenção destes seres vivos pertencentes à estrutura verde do Município de Gondomar”, a autarquia efetuou avaliações fitossanitárias às árvores de maior porte, instaladas em arruamentos, praças e parques com uma grande afluência de pessoas

“Porque as árvores são também seres vivos com princípio e fim de vida”, a avaliação fitossanitária – que determinaria o tipo de intervenção a efetuar – incidiu num conjunto de 307 árvores.  Assim, 27...

Ver Mais