AQUACIN NF

Sugestões 7 Dias

Sugestões 7 Dias

Apesar de os próximos dias serem chuvosos não faltam bons motivos para sair de casa e aproveitar as sugestões dos próximos sete dias. Entre espetáculos, concertos e exposições, vai ser difícil escolher!

No caso de ser curioso e quiser saber o quais os principais eventos do mês de novembro só tem de consultar a nossa agenda cultural…

A Alfândega do Porto é, até abril do próximo ano, a tela de fundo de uma viagem até ao tempo das pirâmides, dos templos e dos faraós. “Misterioso Egito”, um espetáculo imersivo que transporta os visitantes por mais de 3 mil anos de história através de instalações multimédia, audiovisuais e interativas, abre hoje ao público na Invicta, e promete transformar os visitantes em verdadeiros exploradores. Ao longo de 30 minutos, é possível vivenciar e explorar alguns dos momentos mais marcantes da história do Egito, como a descoberta centenária dos tesouros do Faraó Tutankhamon, o enigma da Pedra de Roseta, descoberta em 1799, Ramsés II, O Grande, ou o complexo das Pirâmides em Gizé.

“Misterioso Egito” pode ser visitado de terça-feira a domingo, com sessões às 11h, às 14h e às 17h. Os bilhetes, com preços a partir de 8€, podem ser adquiridos através da plataforma Portugalcomagenda.

CONCERTOS

Understage – Kee Avil
Kee Avil é o projeto da produtora, guitarrista e vocalista canadiana Vicky Mettler. Após um EP em 2018 de exploração de todas as potencialidades sonoras de uma guitarra, fundindo o seu som com baquetas e pratos de bateria, o seu álbum de estreia, Crease, chegou em 2022 pela mão da consagrada Constellation, casa de outros projetos icónicos da cena canadiana como Godspeed You! Black Emperor e Fly Pan Am. Nele, vemos os frutos dessa exploração, com a sensibilidade artística da artista a atingir já uma surpreendente maturidade e um recurso a uma palete sonora de crescente complexidade. As guitarras habilmente cruzadas com os sintetizadores e as samples servem de manto sobre o qual assenta uma voz gentil mesmo na sua agressividade percussiva, influenciada por artistas tão díspares como Scott Walker e Fiona Apple.
Local: Rivoli
Data: 18 de novembro
Horário: 22h30

Sinfonia Fantástica
Ao ouvir a música de Berlioz pela primeira vez, um crítico britânico considerou que chamar-lhe “original” era dizer pouco sobre o efeito que causara nos ouvintes. Com uma riquíssima paleta de cores orquestrais, o genial compositor francês foi tão admirado quanto incompreendido, mas definitivamente refundou as sono- ridades da orquestra e trouxe-a para uma era moderna. A Sinfonia Fantástica, iniciada na juventude e construída ao sabor de uma intensa e dramática paixão, mantém-se como a sua obra mais famosa. Num fim de tarde que celebra o po- tencial expressivo da orquestra e da música francesa, o programa inicia-se com Manoury, um dos nomes mais sonantes da composição contemporânea. A sua nova peça Anticipations surpreende-nos com sons que nos rodeiam e chegam de locais inesperados, abandonando as convenções e desafiando a orquestra a explorar o espaço da sala de concertos.
Local: Casa da Música
Data: 19 de novembro
Horário: 18h00

Guitarrista Henrique Fraga
Henrique Fraga é um guitarrista que se tem dedicado à divulgação da Guitarra Portuguesa, em específico da sua versão de Coimbra e com particular enfoque na obra do grande Mestre Carlos Paredes. Neste concerto, de entrada livre, irá interpretar além dos temas originais, várias obras da família Paredes.
Local: Capela de N.a Sr.a da Luz e Santa Bárbara, Maia
Data: 19 de novembro
Horário: 21h30

EXPOSIÇÕES

Vida e Obra do Padre Luís
Esta exposição surge no âmbito das comemorações dos 150 anos do Padre Luís (Oliveira de Azeméis, 1857 – Vila Nova de Gaia, 1952), pedagogo, benemérito e homem das letras, que durante toda a sua vida lutou contra a pobreza e o analfabetismo.
Local: Arquivo Municipal Sophia de Mello Breyner
Data: até 15 de dezembro

Last Folio
Esta exposição internacional e o documentário que a acompanha começaram a sua viagem em 2009 e fascinaram visitantes em três continentes, nos mais emblemáticos e relevantes espaços. Foram objeto das mais laudatórias críticas, um pouco por todo o mundo.
Local: MMIPO – Museu e Igreja da Misericórdia do Porto
Data: até 31 de janeiro de 2023

Quem conta um conto acrescenta um ponto… Paula Rego
“Quem conta um conto acrescenta um ponto” é um ditado popular que se utiliza para indicar que cada pessoa relata um mesmo acontecimento ou facto acrescentando pormenores da sua autoria. “Contar contos” é uma das expressões que melhor definem o trabalho da artista Paula Rego (Lisboa, 1935 – Londres, 2022); “acrescentar pontos” – no fundo aquilo que fazem todos os leitores e espectadores –, é a expressão que define com maior precisão os visitantes de exposições.
Local: Serralves
Data: até 30 de abril de 2023

Joan Miró
O núcleo de obras de Joan Miró, propriedade da Coleção de Arte Contemporânea do Estado, cedida ao Município do Porto e depositada na Fundação de Serralves, é composta por 85 obras e engloba pinturas, esculturas, colagens, desenhos e tapeçarias do famoso mestre catalão. A Coleção abrange seis décadas de trabalho de Joan Miró, de 1924 até 1981, constituindo assim uma excelente introdução à sua obra e às suas principais preocupações artísticas.
Local: Serralves
Data: até 1 de maio de 2023

SEM CORPO / DISEMBODIED
Com um percurso reflexivo e singular, Vera Mota (Porto, 1982) tem vindo a desenvolver o seu trabalho em torno das políticas do corpo, promovendo e equacionando a sua participação enquanto metodologia generativa e eixo para formulações conceptuais. Recorrendo sobretudo à escultura, desenho e performance, usufruindo da amplitude e permeabilidade que estas disciplinas oferecem, a sua prática artística convoca uma forte componente material.
SEM CORPO /DISEMBODIED, a primeira exposição da artista em contexto museológico – como que das mãos para a cabeça – propõe um diálogo permanente e tenso entre desenho e escultura, no qual o espectador se vê implicado.
Local: Serralves
Data: até 14 de maio de 2023

ESPETÁCULOS

Sexta-feira: O fim do mundo… Ou então não
Sexta-feira é o último dos dias úteis do ciclo Sete Anos Sete Peças. Esta peça fecha um ciclo menor dentro de um ciclo maior. A seguir vem o fim-de-semana, Sábado e Domingo. A semana é inglesa. Mais ou menos: quem saberá contar as horas de trabalho dedicadas a este projeto? Imaginar os dias de descanso tornou-se um luxo. O valor do trabalho evapora-se com o ar de fim dos tempos que assombra o mundo. A ideia de fim do mundo ameaça paralisar a ação e o pensamento. Pior ainda, a ideia de fim da história faz acelerar a corrida para decidir quem será a última pessoa, quem entra e quem fica de fora da barca da história. Mas a história ainda se move, o tempo ainda avança, inexorável.
Local: Auditório do Campo Alegre
Data: 18 de novembro
Horário: 19h30

Pátria
Pátria é um monólogo de um ensandecido homem só. Um homem que conta a sua história de refugiado num país estrangeiro, relatando como aí chegou e acabou preso, denunciado por um crime que pode não ter cometido. A personagem interpretada pelo ator Pedro Almendra fala com as paredes e as plantas, narrando-se como expatriado e injustiçado, até que um estrangeiro lhe bate à porta, pronto a contradizê-lo.
Resultado do desafio de escrita de um texto original lançado pelo encenador Manuel Tur ao escritor Bernardo Carvalho, nome cimeiro da literatura contemporânea brasileira, Pátria é uma dramaturgia desprovida de nome, tempo e espaço. Propenso a narradores solitários e a personagens desenraizados, Bernardo Carvalho condensa neste texto o seu universo literário.
Local: Teatro Carlos Alberto
Data: até 20 de novembro
Horário: sábado, às 19h00, sexta, às 21h00, e domingo, às 16h00

Bruscamente no Verão Passado
O Teatro Nacional São João junta-se ao Ensemble – Sociedade de Atores para apresentar pela primeira vez Bruscamente no Verão Passado, de Tennessee Williams. A peça, com encenação de Carlos Pimenta, conta com uma nova tradução de Ana Luísa Amaral. Estreia no dia 17 de novembro. Bruscamente no Verão Passado é considerada a mais enigmática das obras de Tennessee Williams, nome de vulto do teatro americano. Escrita em 1958, foi adaptada ao cinema no ano seguinte, tendo-se tornado num dos grandes clássicos de Hollywood.
Local: Teatro Nacional São João
Data: até 27 de novembro
Horário: quarta, quinta e sábado, às 19h, sexta, às 21h00, e domingo, às 16h

Não sou eu … é a minha cabeça
António Raminhos regressa aos palcos com um novo espetáculo “Não sou eu … é a minha cabeça” – um espetáculo onde o humorista irá partilhar com o público a sua experiência de vida e os problemas relacionados com a sua saúde mental, com leveza e sempre moderada pelo humor. Afinal, “Quem ri seus males espanta”.
Local: Hard Club
Data: 24 de novembro
Horário: 21h30

MAIS NOVOS

Atelier de ciência – Pega papéis
Para comemorar o dia da ciência vamos descobrir como os cientistas ficam com o cabelo em pé, aprender sobre a eletricidade estática e como ela funciona! Iremos usar essa eletricidade para fazer um jogo de apanhar papéis com um balão. Vamos precisar de esfregar o balão no nosso cabelo ou na nossa roupa e descobrir o que acontece!
Local: MAR Shopping Matosinhos
Data: 20 de novembro
Horário: entre as 11h00 e as 12h30

OUTROS EVENTOS

Noite de Serenatas
A Noite de Serenatas é um evento em parceria com a Câmara Municipal de Gaia, no qual a música académica é a estrela principal, contando com atuações de diversos grupos. Desta vez serão: Rausstuna (Tuna Mista de Bragança), SemperT’unos (Tuna Mista Académica ESS-IPS), ForTuna (Tuna Académica da Nova School of Business and Economics), Literatuna (Tuna de Letras da Universidade do Minho) e TAOD (Tuna Académica de Oliveira do Douro).
Local: Paços do Concelho
Data: 18 de novembro
Horário: 21h30

O Ladrão de Folhas
Leitura do livro “O Ladrão de Folhas”, de Alice Hemming, no próximo “Aos sábados é outra história”, uma atividade que visa despertar o interesse pelos livros e pela leitura junto dos mais novos (M/3), partilhando algumas dicas sobre técnicas de ler e contar histórias, para pais e educadores.
Local: Biblioteca Pública Municipal de Gaia
Data: 19 de novembro
Horário: 11h00

Criar a janela para a arte
O Serviço Educativo da Casa-Museu Teixeira Lopes/Galerias Diogo de Macedo propõe uma atividade de expressão plástica, para famílias com crianças maiores de 3 anos, em que, a partir de materiais recicláveis, os participantes criarão a sua própria janela para a arte.
Local: Casa-Museu Teixeira Lopes/Galerias Diogo de Macedo
Data: 20 de novembro
Horário: 10h00

FILMES

Bardo, Falsa Crónica de Umas Quantas Verdades
Título Original: Bardo, False Chronicle of a Handful of Truths
De: Alejandro G. Iñárritu
Com: Daniel Giménez Cacho, Griselda Siciliani, Ximena Lamadrid
Género: Drama
Classificação: Pendente
Outros dados: 174 minutos
Uma experiência épica, visualmente deslumbrante e imersiva sobre o tocante percurso de Silverio, um famoso jornalista e documentarista mexicano residente em Los Angeles que, após ser distinguido com um prestigiante prémio internacional, sente a necessidade de regressar ao seu país natal, incauto de que esta simples viagem o colocará num limite existencial. O delírio das suas memórias e dos seus receios decidiu invadir o presente, inundando a sua rotina diária com um sentido de desconcerto e assombro.

Champagne!
Título Original: Champagne!
De: Nicolas Vanier
Com: Elsa Zylberstein, François-Xavier Demaison, Stéphane De Groodt
Género: Comédia
Classificação: Pendente
Outros dados: 100 minutos
Jean, Patrick, Joanna, Romane e Guillaume conhecem-se há mais de 30 anos. Este fim de semana, o grupo encontra-se em Champagne para fazer a despedida de solteiro de Patrick! Reunidos numa propriedade vinícola, o grupo não sabe que Christine, a jovem e bela futura noiva, se vai juntar a eles. Esta convidada inesperada e indesejada depressa perturba a dinâmica do grupo. No magnífico vinhedo, são ditas coisas que estavam por dizer há muito e emergem interesses pessoais contraditórios. Risos, amor e lágrimas: sobreviverá a antiga amizade ao fim de semana?

Cinderela e o Príncipe Secreto
Título Original: Cinderella and the Secret Prince
De: Lynne Southerland
Género: Animação
Classificação: Pendente
Outros dados: 90 minutos
Contada por outro ponto de vista, a clássica história da Cinderela aqui não envolve amor à primeira vista ou sapatinho de cristal. A Cinderela decide ir ao baile convencida por seus amigos ratos, que sonham com o banquete do palácio, e auxiliada por uma fada madrinha aprendiz. Em pleno baile o grupo descobre algo terrível e inicia uma ousada aventura para reverter o feitiço de uma terrível bruxa e desmascarar o príncipe ilegítimo.

Crónicas de Vesper
Título Original: Vesper
De: Kristina Buozyte, Bruno Samper
Com: Raffiella Chapman, Eddie Marsan, Rosy McEwen
Género: Ficção
Classificação: M14
Outros dados: 114 minutos
Situado num futuro distópico, após o colapso do ecossistema da Terra, Vesper, uma menina de 13 anos, usa as suas habilidades para sobreviver, juntamente com o seu pai paralisado, Darius, num mundo em total destruição. Vesper deve confiar na sua inteligência, força e habilidades de biohacking para desbloquear a chave para um futuro alternativo.

Ela Disse
Título Original: She Said
De: Maria Schrader
Com: Zoe Kazan,Carey Mulligan, Samantha Morton
Género: Drama
Classificação: M12
Outros dados: 128 minutos
Um filme que segue Megan Twohey e Jodi Kantor, duas repórteres do “The New York Times”, que, juntas, lançaram uma das mais relevantes histórias da nossa geração –uma história que ajudou a lançar o movimento #MeToo, rompeu décadas de silêncio em torno do tema do assédio sexual em Hollywood e alterou a cultura americana para sempre.

PUB
www.pingodoce.pt/produtos/comida-fresca-takeaway/encomendas/comida-fresca-encomendas-de-natal/?utm_source=cm&utm_medium=cpc&utm_term=leaderboardmobile&utm_content=natal&utm_campaign=takeawaynatal