Bairro Feliz - PD

Sugestões 7 Dias

Sugestões 7 Dias

Os próximos dias estão repletos de bons e variados eventos no Grande Porto. Há uma panóplia de propostas para desfrutar… Escolha as que mais lhe interessam e aproveite!

Desfrute de uma nova edição da Festa do Outono, que regressa aos prados do Parque de Serralves já este fim de semana, dias 24 e 25 de setembro.
Durante os dois dias, o evento vai proporcionar espetáculos de música, cinema, circo contemporâneo, teatro, feiras, oficinas e saídas em campo.
A programação é extensa e bastante diversificada e a entrada é gratuita.

No Quarteirão de Miguel Bombarda, há festa com o 15.º aniversário das “Inaugurações Simultâneas”. O programa contempla exposições, concertos, Djset e até workshops…

CONCERTOS

Tosca
O Coliseu Porto Ageas reservou a estreia absoluta de uma grande produção de “Tosca”, a ópera em três atos de Giacomo Puccini com libreto de Luigi Illica e Giuseppe Giacosa, baseado na peça homónima de Victorien Sardou. Estreada em Roma, no Teatro Constanzi, a 14 de janeiro de 1900, na época a atmosfera política em Itália era tensa, com muita agitação revolucionária de caráter socialista e anarquista. “Tosca” simboliza um confronto entre a decadência e o progresso, na viragem de século, dando o protagonismo a pessoas vulgares, de diferentes camadas sociais, em vez de se focar na realeza ou nos semideuses a que as óperas tradicionais recorriam comummente.
Local: Coliseu do Porto
Data: 23 de setembro
Hora: 21h00

Michael Kiwanuka
Na bagagem, o músico britânio traz o novo álbum, “Kiwanuka”, considerado pelo público e pela crítica como um dos melhores discos do ano de 2019, tendo recebido cotação máxima de publicações como o The Guardian, NME, Q ou o Daily Telegraph. O The Guardian destaca os vocais “calorosos e sinceros” do músico, num registo ao mesmo tempo “intemporal e contemporâneo”; já o Daily Telegraph aponta para o caráter “hipnotizante e carregado” de um espírito que encontra alívio na música que faz. E os melhores adjetivos podem ser confirmados novamente pelo público português.
Local: Super Bock Arena – Pavilhão Rosa Mota
Data: 23 de setembro
Hora: 21h30

Katia Guerreiro
Kátia Guerreiro regressa ao Porto, num espectáculo em nome próprio onde recorda alguns dos momentos mais felizes da sua carreira. Com a participação dos músicos Pedro de Castro e Luís Guerreiro (guitarra portuguesa), André Ramos e João Mário Veiga (viola) e Francisco Gaspar (viola baixo), conta ainda com alguns convidados a anunciar oportunamente. A carreira de Kátia Guerreiro teve início em 2000, com a sua presença no concerto de homenagem a Amália Rodrigues, no Coliseu de Lisboa. Público e crítica renderam-se à sua interpretação de “Amor de Mel, Amor de Fel” e de “Barco Negro”, considerando-a a melhor actuação da noite.
Local: Casa da Música
Data: 24 de setembro
Hora: 21h00

A Terceira de Brahms
“O batimento de um só coração” — depois de passar várias horas a tocar ao piano uma versão da Terceira Sinfonia do seu amigo Johannes Brahms, estas foram as palavras escolhidas por Clara Schumann para descrever o que sentia. Datada de quando o compositor tinha 50 anos, reflecte um Brahms no pleno domínio da sua invenção. A popularidade da sinfonia dura até hoje, encontrando-se no seu terceiro andamento uma das melodias mais conhecidas do Romantismo musical. Um concerto comentado para descobrir as histórias que acompanham a música deste artista imortal.
Local: Casa da Música
Data: 25 de setembro
Hora: 12h00

Ensemble Darcos & Ensemble Orchestral Contemporain
A aposta da Casa da Música na criação contemporânea é realçada num concerto que junta dois agrupamentos dedicados à música dos nossos dias. O Ensemble Darcos, dirigido pelo compositor português Nuno Côrte- Real, apresenta uma obra do seu fundador inspirada no Modernismo de Mário de Sá-Carneiro escrita no século XXI. O compositor francês Bruno Mantovani dirige o Ensemble Orchestral Contemporain numa obra de sua autoria. Assim, cada agrupamento apresenta uma obra do seu director e uma peça canónica do repertório das vanguardas novecentistas. Do Simbolismo subtilmente traduzido por Ravel a um mosaico de texturas da obra de Ligeti, propõe-se um percurso através das sonoridades que marcaram profundamente os últimos 120 anos.
Local: Casa da Música
Data: 25 de setembro
Hora: 18h00

Rui Massena | Ensemble
Com os recentes lançamentos de um EP e um álbum, no último ano, Rui Massena conta já com cinco trabalhos de referência nacional e internacional, dois dos quais editados pela Deutsche Grammophon. Actualmente, a sua música é ouvida por milhões de pessoas, em mais de 90 países. O maestro e compositor traz à Sala Suggia uma re-interpretação ao piano dos seus três álbuns de originais e do EP 20 Perception, fazendo-se acompanhar pelo seu ensemble para percorrer canções como “Estrada”, “Amanhecer”, “A Song”, “Meditação”, “aBem”, entre muitas outras, e para estrear novas composições embaladas com a sonoridade dos instrumentos de corda. Segundo o próprio Rui Massena, este concerto será “uma celebração do tão desejado regresso à harmonia de que todos precisamos”.
Local: Casa da Música
Data: 28 de setembro
Hora: 21h00

Fado em Movimento
Cristina Branco, rainha do fado contemporâneo, encontra na tradição musical um recurso inesgotável para alimentar as mais audaciosas aventuras artísticas. O ensemble Des Équilibres, liderado pela violinista Agnès Pyka, cruza regularmente géneros musicais, levando o seu repertório preferido (a música do século XX) ao convívio com outros universos. A convite da Temporada Cruzada França-Portugal, a cantora, acompanhada pelo guitarrista Bernardo Couto e por aquele ensemble de cordas, revisita o território marcadamente português do fado, confrontando-o com a escrita contemporânea das obras inéditas de Florentine Mulsant e Fátima Fonte. Uma forma única de construir, além-fronteiras, um imaginário musical europeu comum.
Local: Casa da Música
Data: 29 e 30 de setembro
Hora: 21h00

Jorge e Mateus
Responsáveis por algumas das levadas mais animadas do sertanejo universitário, os goianos Jorge & Mateus, da cidade de Itumbiara (Goiás), ganharam projeção no mundo todo e, hoje, são considerados uma das principais duplas do Brasil. Se conheceram através de um amigo em comum, em 2005. Jorge, estudante de Direito e Mateus, que cursava Agronomia, na época, se apresentavam em festas e festivais musicais. Neste mesmo ano tiveram a oportunidade de cantarem juntos em um churrasco e foi assim que começou a história de Jorge & Mateus. Desde então já são 14 anos de história. Recordistas de público, a dupla tem arrastado multidões em suas turnês fazendo em média 200 shows por ano. Além de serem os brasileiros mais seguidos no Spotify, as canções dos artistas foram executadas em 61 países por mais de 10 milhões de fãs, durante mais de 21 milhões de horas.
Local: Super Bock Arena – Pavilhão Rosa Mota
Data: 30 de setembro
Hora: 21h00

EXPOSIÇÕES

Filexgaya/Cartogaya2022
Local: Salão Nobre dos Bombeiros Voluntários de Avintes
Data: 24 de setembro
Hora: Das 14h00 às 17h00

Na Estrada do Surrealismo – Fernando Lemos
Fernando Lemos destacou-se como fotógrafo, contudo, o seu percurso passou pela pintura, desenho, design gráfico e industrial e, também, pela poesia e ensino.
Estudou na Escola de Artes Decorativas António Arroio nas áreas de Litografia e Pintura e realizou o Curso Livre de Pintura na Sociedade Nacional de Belas-Artes, onde expõe pela primeira vez em 1946 na I Exposição Geral de Artes Plásticas.
Inicia o seu trabalho fotográfico em 1949, com a primeira fotografia tirada a partir da janela do quarto onde nasceu, mostrando os telhados de Lisboa.
O seu trabalho de fotografia destaca-se na história do Surrealismo, sendo premiado em 2001 com o Prémio Nacional de Fotografia.
Volvidos cerca de 70 anos da captação destes registos (datados entre 1949 e 1952), apresentamos nesta mostra, intitulada Na estrada do surrealismo – Fernando Lemos, 123 fotografias, que nos transportam para a liberdade e automatismo do surrealismo, onde todas as compreensões do real se alteravam.
Local: Centro Português de Fotografia
Data: Até 30 de outubro

PORTUGAL POP. A Moda em Português 1970-2020
Local: Casa do Design
Data: Até 13 de novembro
Hora: De segunda a sexta-feira das 9h30 às 12h30 e das 14h00 e às 17h30 e aos sábados, domingos e feriados das 15h00 às 18h00.

Rivane Neuenschwander: Sementes selvagens
A exposição, a primeira individual da artista em Portugal, está organizada em torno do seu mais recente filme – Eu sou uma arara (2022) – que terá a sua estreia inédita em Serralves.
Realizada em parceria com a cineasta Mariana Lacerda, a média-metragem propõe uma reflexão crítica sobre o impacto do desmatamento da Amazónia para os povos indígenas num momento de tensão política e social.
Este trabalho é também o resultado de um longo período de pesquisa e de uma série de ações em São Paulo que fizeram desfilar pelas ruas da cidade, como uma floresta densa e potente, dezenas de figuras inspiradas na fauna e flora brasileiras.
Local: Museu e Capela da Casa de Serralves
Data: Até 9 de abril de 2023

ESPETÁCULOS

Um Stand Up Comedy Qualquer
Um Stand – Up Comedy Qualquer” é o show teste do humorista MURILO COUTO. Em seu retorno aos palcos após a pandemia, Murilo irá compartilhar com o público a sua visão sobre os principais acontecimentos do último ano, seus aprendizados e as polêmicas em que se envolveu.
Local: Teatro Sá da Bandeira
Data: 24 de setembro
Hora: 21h30

Balleteatro no Coliseu
Para assinalar o início do novo ano letivo, os alunos das turmas de Dança e Teatro do Balleteatro – a estrutura artística em residência no Coliseu – apresentam um espetáculo que resulta dos laboratórios de criação com vários artistas. A entrada é livre, mediante lotação da sala.
Local: Coliseu do Porto
Data: 27 de setembro
Hora: 19h30´

Barcelona Flamenco Ballet – Luxuria
“Luxuria” transporta o público para o mundo do suspense, da intriga, das complexas dinâmicas da paixão, do amor, da loucura e da tragédia. O espetáculo recria um mundo fascinante, com o estilo inovador do Barcelona Flamenco Ballet, que funde elementos de dança e música flamenca tradicional com elementos de bailado e música mais contemporânea. Uma história de amor, luxúria e tragédia em que o herói é consumido pela dúvida, pelo orgulho e pela loucura e, finalmente, pela solidão e desespero, ameaçando a sua relação com o seu grande amor.
Local: Coliseu do Porto
Data: 29 de setembro
Hora: 21h00

Lar Doce Lar
“Lar Doce Lar”, o espectáculo que juntou pela primeira vez em palco Joaquim Monchique e Maria Rueff. Duas idosas que partilham um quarto na Residência Sénior Antúrios Dourados embarcam numa competição desmedida por um quarto particular após a “partida” da sua anterior ocupante. Com o brilhantismo cómico a que já nos habituaram, Maria Rueff e Joaquim Monchique desdobram-se em múltiplas personagens e levam-nos numa viagem atribulada e hilariante pelos quatro cantos deste doce lar.
Local: Teatro Sá da Bandeira
Data: 30 de setembro e 1 e 2 de outubro
Hora: Sexta-feira e sábado às 21h00 e domingo às 16h00

Monólogos da Vagina
Os Monólogos da Vagina são compostos por vários pequenos textos/monólogos. Cada um deles lida com a experiência feminina, abordando assuntos como sexo, prostituição, imagem corporal, amor, estupro, menstruação, mutilação genital feminina, masturbação, nascimento, orgasmo, os vários nomes comuns para a vagina ou simplesmente como uma parte física do corpo feminino. Um tema recorrente em toda a peça é a vagina como uma ferramenta de capacitação feminina e a personificação máxima da individualidade.
Local: Coliseu do Porto
Data: 30 de setembro
Hora: 21h00

FILMES

A Conferência
Título Original: Die Wannseekonferenz aka The Conference
De Matti Geschonneck
Com: Philipp Hochmair, Johannes Allmayer, Maximilian Brückner
Género: Drama
Classificação: M12
Outros dados: 108 minutos
Na manhã do dia 20 de janeiro de 1942, os líderes do regime Nazi reúnem-se numa casa à beira do lago de Wannsee em Berlim. Foram convidados por Reinhard Heydrich para um encontro seguido de pequeno-almoço. O único tópico na agenda daquela manhã era o que os Nazis chamavam de “Solução Final” para a Questão Judaica: a organização do extermínio em massa de judeus em toda a Europa.

Não Te Preocupes Querida
Título Original: Don’t Worry Darling
De Olivia Wilde
Com: Florence Pugh, Harry Styles, Chris Pine
Género: Drama
Classificação: N/D
Outros dados: 122 minutos
Alice (Pugh) e Jack (Styles) têm a sorte de viver na comunidade idealizada de Vitória, a cidade experimental que foi construída para abrigar os homens que trabalham para o ultrassecreto Projeto Vitória e as suas famílias. O otimismo social da década de 50, exacerbado pelo CEO do projeto, Frank (Pine) – que serve tanto como visionário corporativo como treinador de vida motivacional – é a base da vida quotidiana desta utopia. A vida é perfeita, mas quando pequenas falhas na sua vida perfeita começam a aparecer, debaixo da atrativa fachada, Alice não consegue resistir a perguntar-se o que é que estarão realmente a fazer em Vitória. Quanto é que Alice está disposta a arriscar para desmascarar o que se está a passar neste pedaço de paraíso? Um thriller psicológico audaz, distorcido e visualmente deslumbrante.

Restos do Vento
Título Original: Restos do Vento
De: Tiago Guedes
Com: Albano Jerónimo, Nuno Lopes, Isabel Abreu
Género: Drama
Classificação: M14
Outros dados: 126 minutos
Um ritual de passagem numa aldeia do interior de Portugal deixa marcas profundas num grupo de adolescentes. Vinte e cinco anos depois, o passado ressurge como uma bomba ao retardador, e a tragédia instala-se.

Rumba La Vie
Título Original: Rumba La Vie
De: Franck Dubosc
Com: Franck Dubosc, Louna Espinosa, Jean-Pierre Darroussin
Género: Comédia
Classificação: M12
Outros dados: 122 minutos
Tony de cinquenta e poucos anos, é motorista de uma carrinha escolar. Vive no campo e tem os seus velhos hábitos e preconceitos, levando um estilo de vida solitário e recolhido. Alarmado com um ataque cardíaco, decide enfrentar o seu passado e entrar em contacto com Maria, a filha que nunca conheceu, inscrevendo-se na escola de dança que esta dirige. Mas… a rumba não se improvisa! Com as suas botas de cowboy e blusão de ganga, aos poucos, Tony aprende a dançar, com o objetivo de conquistar a filha. E, no processo, acaba por se conhecer melhor a si mesmo e a entregar-se mais aos outros!

PUB
www.pingodoce.pt/pingodoce-institucional/revista-sabe-bem/um-regresso-saboroso-com-a-sabe-bem/?utm_source=vivaporto&utm_medium=banner&utm_term=banner&utm_content=23092022-edicao69utm_campaign=sabebem