PUB
Recheio 2024 Profissional

Serralves mostra obras da Coleção Miró em Nápoles

Serralves mostra obras da Coleção Miró em Nápoles

O Palazzo delle Arti Napoli (PAN), em Nápoles, Itália, já tem patente ao público a exposição ‘Joan Miró and the Language of Signs’, organizada pelo Museu de Arte Contemporânea de Serralves.

São cerca de 80 as obras do pintor surrealista catalão Joan Miro, pertencentes à coleção do Estado, datadas entre 1924 e 1981 e selecionadas para esta exposição em Nápoles, e que permitem seguir a trajetória do artista com uma carreira de mais de seis décadas.

“Numa prática que entrecruzou pintura, desenho, escultura, cerâmica, tapeçaria e gravura, Miró explorou a linguagem dos signos, alinhando o seu projeto com o interesse cubista na estrutura da representação e com as experiências surrealistas na escrita e na poesia”, salienta o comunicado do Museu de Serralves, citado pelo Observador.

Comissariada por Robert Lubar Messeri, a mostra – que estará patente até 23 de fevereiro de 2020 – foi organizada pelo Museu de Arte Contemporânea de Serralves a partir da Coleção do Estado Português, em depósito na Fundação de Serralves.

PUBLICIDADE - CONTINUE A LEITURA A SEGUIR

“Com mais esta exposição fora de portas, o Museu de Arte Contemporânea de Serralves cumpre a sua missão de divulgação da Coleção Miró através de um extenso e diversificado programa de exposições de itinerâncias e coproduções internacionais”, refere a instituição portuense.

De recordar que, em janeiro deste ano, a Direção-Geral do Património Cultural (DGPC) abriu o procedimento de classificação de 85 obras de Joan Miró na posse do Estado, segundo anúncio publicado em Diário da República.

As 85 obras de Joan Miró (1893-1983) foram cedidas pelo Estado ao município do Porto, em outubro passado, por um prazo de 25 anos. A Câmara do Porto, por sua vez, entregou à Fundação Serralves a guarda, conservação, valorização e divulgação destas obras do criador espanhol.

A autarquia comprometeu-se a transferir anualmente 100 mil euros para Serralves pelo serviço, bem como a financiar com um milhão de euros as obras que a Casa de Serralves terá de fazer para acolher a coleção de 85 obras de Joan Miró.

PUBLICIDADE - CONTINUE A LEITURA A SEGUIR

PUB
PD- Literarura Infantil