Natal PD

Rede de percursos pedestres das Serras do Porto concluída na primavera

Rede de percursos pedestres das Serras do Porto concluída na primavera

Daqui a pouco mais de um mês, a região Norte terá um novo ponto de atração que promete agradar a todos os desportistas e adeptos da Natureza. Trata-se da rede de percursos pedestres das Serras do Porto, que estará concluída na primavera. 

No total, a rota terá 259,2 quilómetros de extensão, contemplando uma grande rota e 18 pequenas rotas de trilhos distribuídos por todo o território do “Pulmão Verde” da Área Metropolitana do Porto. Atualmente, segundo revelaram os promotores, estão já a ser instaladas no terreno “sinalética de acordo com as regras de homologação deste tipo de percursos”, que será complementada com “painéis interpretativos, desdobráveis e uma aplicação”. 

Em curso estão também, intervenções em espécies invasoras no Parque das Serras do Porto, com um controlo inicial e um controlo de continuidade, em que são aplicadas técnicas ajustadas às espécies presentes, ao seu porte e densidade. Os trabalhos decorrem em Valongo e em Gondomar e, em breve, avançarão em Paredes. 

O projeto prevê também a “instalação de espécies nativas em algumas das parcelas, a que se deu hoje início, com a plantação simbólica de um sobreiro na envolvente à Capela de Santa Justa e Santa Rufina”. O plano de plantação para esta área de lazer está a ser elaborado por duas estudantes de Arquitetura Paisagista da Faculdade de Ciências da UP, a estagiar no Parque das Serras do Porto, salienta a mesma nota. 

Recorde-se que o Parque das Serras do Porto abrange as serras de Santa Justa, Pias, Castiçal, Flores, Santa Iria e Banjas, numa área de aproximadamente seis mil hectares de zona verde dos concelhos de Valongo, Gondomar e Paredes. 

PUB
www.pingodoce.pt/produtos/comida-fresca-takeaway/encomendas/menu-seleccao-do-chef/?utm_source=cm&utm_medium=banner&utm_term=leaderboardmobile&utm_campaign=menuchef