BPI

RAF Park

RAF Park

raf2“Aproveitar o melhor de dois mundos”

O novo equipamento de Matosinhos foi pensado de forma a satisfazer um duplo objetivo – o de “reavivar o conceito de feira popular” e o de explorar o conceito de parque radical. Desta forma, os promotores do projeto assumiram o desafio de “combinar o saudosismo de alguns pelo desaparecimento da feira popular, de valores mais tradicionais” com a necessidade de responder à “procura de aventura e de adrenalina, cada vez mais presentes na nossa sociedade”. “A mais valia do parque de diversões é exatamente o facto de aliar estes dois mundos. Não existe outro espaço assim”, afirmou o CEO do RAF Park, Manuel António Ferreira, em declarações à Viva.

Ao longo de uma área de cinco hectares, o equipamento apresenta ainda uma Zona de Lazer, um Parque Infantil e uma Praça de Alimentação. A diversidade de propostas é um dos fatores que, segundo o responsável, está a conquistar o público. “A ideia está a ser muito bem recebida porque, no mesmo local, os visitantes podem desfrutar da piscina, dos desportos radicais e de várias animações típicas da feira”, sublinhou.

A localização do parque, que abriu oficialmente no dia 26 de junho, é outro dos aspetos destacados pelo diretor executivo. Situado na Rua Monte São Brás, em Santa Cruz do Bispo, o RAF Park está a poucos minutos da A41, A4 e A28, ficando a 900 metros da estação de metro de Esposade. “Precisávamos de um local amplo e com boas acessibilidades. Há cerca de quatro anos começámos a procurar esse espaço na Maia, em Matosinhos, Gaia e Paredes e viemos encontrá-lo na freguesia de Santa Cruz do Bispo”, referiu.

raf5As diferentes diversões

Para os apreciadores de adrenalina, a Zona Radical do RAF Park dispõe de várias modalidades: Bungee Jumping, Santo Pendular, Slide, Escalada, Rampas de Gelo Sintético, Arvorismo, Grandes Insufláveis e Paintball. Com o bilhete de entrada no parque, que custa treze euros para os adultos e dez para as crianças, os visitantes podem praticar todas as atividades radicais, excetuando Bungee Jumping. Na Zona de Feira Popular, o novo equipamento de Matosinhos tem os tradicionais Carrinhos de Choque, Martelo, Enterprise, Montanha Russa e Twister.

A pensar nos mais pequenos, o parque apresenta também uma Zona Infantil, “totalmente protegida”, com baloiços, escorregas, trampolins, insufláveis e uma ludoteca, na qual as crianças são acompanhadas por educadores de infância e animadores na realização de atividades lúdicas. Destaque ainda para a Área Aquática – zona de lazer com piscina, praça de espetáculos, área de jogos e jardins – e a Praça de Alimentação, na qual está inserida uma área destinada a ações temáticas.

raf3“Quebrar a rotina” em família

Numa altura em que a tão falada crise do país continua a agitar a vida dos portugueses, Manuel António Ferreira considera que o novo equipamento de Matosinhos poderá ser uma estratégia para escapar ao stress diário. “É o sítio apropriado para as pessoas esquecerem um pouco as dificuldades e quebrarem as rotinas. Além disso, como estão a optar por passar férias dentro do país, é uma forma de se divertirem de um modo mais acessível. Pagam apenas a entrada e podem aproveitar em família. Quem não quer fazer um desporto radical, tem à sua disposição a parte aquática do parque. É para todas as idades”, referiu.

O responsável salientou também que os desafios propostos pelo RAF Park não se esgotam na época de verão, prolongando-se durante todo o ano com atividades lúdicas dedicadas ao Natal, festa de passagem de ano, espetáculos temáticos semanais, Jogos Sem Fronteiras, festas de Carnaval fora de época, concertos low-cost, festivais infantis e atividades desportivas.

Mariana Albuquerque
Fotos: RAF Park

PUB
Pingo Doce Sabe Bem

Viva! no Instagram. Siga-nos.