Sogrape

Quatro momentos marcantes vividos em 2022 no Porto

Quatro momentos marcantes vividos em 2022 no Porto

No início de um novo ano há quem faça uma retrospectiva dos momentos que passaram e a VIVA decidiu juntar-se também a este movimento. Aqui estão reunidos alguns dos momentos mais marcantes do ano de 2022 vividos na cidade do Porto, tanto por visitantes como portuenses. Faça uma viagem até estes acontecimentos:

Batalha Centro de Cinema

O emblemático Batalha Centro de Cinema reabriu as suas portas no último mês do ano, a 9 de dezembro.
Uma obra há muito esperada e que tem agora novos espaços a explorar, como a Biblioteca e Filmoteca, a Sala-Filme, a Livraria e a Cafetaria/Bar.

A descoberta dos frescos de Júlio Pomar – que permitiu recuperar para a cidade um património da década de 1940 que havia sido censurado pelo Estado Novo – é outro dos destaques da empreitada de renovação.

Mercado do Bolhão

O icónico e renovado Mercado do Bolhão superou todas as expectativas ao bater o recorde de 1 milhão de visitas em novembro de 2022. Reaberto desde o dia 15 de setembro, a autarquia avançava que afluência diária era superior aos 20 mil visitantes e aos sábados passavam pelo local quase 30 mil pessoas. 

Este espaço tem vindo a ser palco de várias iniciativas como as gravações da novela Festa é Festa, da Tvi, o Portugal Fashion,  showcooking e workshops de cozinha.

Terminal Intermodal de Campanhã

Inaugurado a 20 de julho do ano passado o Terminal de Campanhã registou só no mês de dezembro a passagem de mais de 300 mil pessoas. Desde a sua abertura até ao final de 2022 tinha recebido mais de um milhão de passageiros.

Para estes números contribuiu a passagem dos serviços da Rede Expressos para este local, que se juntou às empresas Flixbus, Internorte, Lazara, Scotturb [Gipsyy], Socintarbus e Valpi, passando o Terminal a contar com mais de 700 horários.

Foto: Guilherme Costa Oliveira

Exposição do Coração de D. Pedro IV

Nos dias 20 e 21 de agosto o coração de D. Pedro IV, doado à cidade do Porto, esteve em exposição no Salão Nobre da Irmandade da Lapa, antes de seguir para o Brasil, a propósito das comemorações do bicentenário da independência do país, a 7 de setembro.

Nesses dias tinham-se dirigido ao local seis mil visitantes e na exposição realizada do Brasil, entre 25 de agosto e 5 de setembro, a relíquia foi vista por cerca de oito mil pessoas. No regresso à Invicta, o coração de esteve novamente em exposição nos dias 10 e 11 de setembro, com várias pessoas a fazer fila para ver o coração de D. Pedro.

Foto: Guilherme Costa Oliveira
PUB
www.pingodoce.pt/pingodoce-institucional/revista-sabe-bem/sabe-bem-poupar-todos-os-dias/?utm_source=vivaporto&utm_medium=banner&utm_term=banner&utm_content=27012023-edicao71utm_campaign=sabebem