Sogrape

Próximo ano será de intercâmbio entre estudantes do Norte de Portugal e Galiza

Próximo ano será de intercâmbio entre estudantes do Norte de Portugal e Galiza

Regressam em março do próximo ano os intercâmbios escolares entre jovens da Galiza e do Norte de Portugal, com a participação de 400 estudantes do 2.º ciclo do ensino básico de sete cidades. São elas: Coruña, Ribeira, Santiago de Compostela, Braga, Guimarães, Santa Maria da Feira e Vila Real.

A iniciativa foi apresentada esta terça-feira no salão nobre da Câmara de Guimarães e contou com a presença da presidente do Eixo Atlântico para a Educação e Cultura, Adelina Pinto, e do secretário-geral do Eixo Atlântico, Xoán Vázquez Mao.

“Este programa pretende sensibilizar os estudantes para a importância de viver num município integrante do Eixo Atlântico e de formar parte da eurorregião, bem como promover a realização de experiências didáticas que potenciem o uso do município como recurso educativo”, refere a autarquia de Guimarães, cidade que será representada na iniciativa por uma turma da Escola Básica 2.º e 3.º ciclos João de Meira.

“Cada grupo será acompanhado por dois professores e um técnico municipal”. Durante a primavera de 2023 terão lugar as visitas de estudo com uma duração de entre dois a três dias.

No comunicado a Câmara de Guimarães diz ainda que “os intercâmbios escolares foram uma iniciativa do Eixo Atlântico que começou há mais de 20 anos e foi retomado em 2018, por sugestão dos municípios de Vila Real e de Santiago de Compostela. A atividade decorreu no ano letivo 2018-19 e, dado o seu sucesso, decidiu-se continuar no ano seguinte, embora com a pandemia não tenha sido possível, até agora”.

PUB
www.pingodoce.pt/pingodoce-institucional/revista-sabe-bem/sabe-bem-poupar-todos-os-dias/?utm_source=vivaporto&utm_medium=banner&utm_term=banner&utm_content=27012023-edicao71utm_campaign=sabebem