CMPorto

Projetos da ponte D. António Francisco dos Santos devem ser apresentados até outubro

Projetos da ponte D. António Francisco dos Santos devem ser apresentados até outubro

Os sete candidatos aprovados têm até outubro para apresentar os projetos relativos à conceção e construção da ponte rodoviária D. António Francisco dos Santos, que vai ligar Gaia ao Porto.

O presidente da Câmara Municipal de Vila Nova de Gaia, Eduardo Vítor Rodrigues, citado pelo JN, disse esta segunda-feira, que “nenhum dos candidatos foi excluído” e que até esta fase “não surgiu qualquer impugnação”.

O júri que aprovou os candidatos será o mesmo que irá avaliar os projetos. A nova travessia, sobre o rio Douro, vai ligar as freguesias de Oliveira do Douro, em Gaia, a Campanhã, no Porto. A extensão desta ponte será de 625 metros, sendo que 300 metros se desenvolvem sobre o leito do rio e os restantes sobre os terrenos de Gaia.

Daqui a quatro anos, em 2026, está prevista a conclusão da obra que possui o preço base de concurso de 38,5 milhões de euros. A travessia denominada D. António Francisco dos Santos, em homenagem ao falecido bispo da Diocese do Porto, terá duas faixas de rodagem, com duas vias de circulação cada, bem como passeios e ciclovias de ambos os lados.

Na margem de Gaia, o acesso vai ser realizado “através da construção de uma rotunda e de um novo arruamento com cerca de 590 metros de extensão, que ligará à rotunda Gil Eanes, objeto também de intervenção para que nela se possa incluir uma ciclovia em todo o seu perímetro”.

No que toca aos acessos, do lado do Porto, está “prevista a construção de uma rotunda sobrelevada à atual Avenida Paiva Couceiro”, que se irá interligar a esta “através de dois ramos de ligação em viaduto”, de acordo com o município portuense.

PUB
www.pingodoce.pt/pingodoce-institucional/revista-sabe-bem/diga-ola-ao-verao-com-a-sabe-bem/?utm_source=cm&utm_medium=banner&utm_term=leaderboardmobile&utm_content=sabebem&utm_campaign=sabebem