Bairro Feliz

Portugueses temem assaltos durante o período de férias

Portugueses temem assaltos durante o período de férias

Um estudo desenvolvido pela plataforma Fixando, a um universo de 500 portugueses, revelou que 57% dos inquiridos receia deixar a sua casa durante o período de férias por risco de eventuais ataques à habitação. 

Nesse sentido, a plataforma adianta que se verificou “uma corrida por alarmes e sistemas de segurança”, em particular durante o mês de agosto, período de férias para uma grande parte da população portuguesa, registando-se um aumento de mais de 116% na compra desses equipamentos em comparação com o ano anterior.  

“As residências são o principal tipo de património em que os proprietários recorrem a estes serviços (67%)”, informa ainda a Fixando, salientando que 50% dos inquiridos não possui, até então, nenhum sistema de segurança instalado em casa, tendo manifestado somente agora vontade em adquiri-lo.       

O inquérito alertou ainda para uma “expressiva procura destes serviços” no distrito do Porto (13%), seguido de Lisboa (11%), Braga (11%) e Santarém (11%), com as contratações mais significativas por câmaras de acesso (68%), sensores de movimento (50%), sensores de portas e janelas (43%) e alarmes de fumo (18%), concluiu a investigação.

PUB
www.pingodoce.pt/campanhas/sabor-do-mes/?utm_source=vivaporto&utm_medium=banner&utm_term=banner&utm_content=052022-postadecorvina&utm_campaign=sabordomes

Viva! no Instagram. Siga-nos.