Revista Sabe Bem

Portugal tem uma das melhores estradas do mundo para conduzir

Portugal tem uma das melhores estradas do mundo para conduzir

Se ainda não viajou pela Estrada Nacional 222 (EN222), em concreto pelo troço que liga o Peso da Régua à belíssima vila do Pinhão, e ainda por cima gosta de curvas, saiba que deve fazê-lo o quanto antes. É que esta é uma das melhores estradas do mundo para conduzir, além de proporcionar uma vista arrebatadora sobre o Douro, na companhia de um cenário de socalcos verdadeiramente inspirador, durante todo o percurso…

No total são 27 quilómetros de extensão e 93 curvas que se destacaram entre tantas outras estradas dos quatro cantos do mundo, nomeadamente dos Estados Unidos da América, da Alemanha, França, Itália, Noruega e Nova Zelândia, no âmbito do estudo desenvolvido a pedido do Avis Driving Ratio (ADR), “Índice de Condução Avis”, em português, uma empresa de rent-a-car.

As principais componentes que contribuíram para esta distinção, atribuída já em 2015, aliaram, de acordo com a Visão, o equilíbrio entre “quatro fases-chave na condução” – curvas, aceleração, retas e travagem. O Índice de Condução considerado perfeito situava-se no 10:1, isto é, dez segundos em linha reta para cada segundo gasto a curvar, tendo o traçado entre o Peso da Régua e o Pinhão alcançado a melhor pontuação – 11:3. E, assim, a estrada portuguesa ganhou o título de “World Best Driving Road”.

Contudo, além da matemática, também as emoções e o prazer de conduzir na EN222 fizeram parte deste cálculo internacional. “O que o condutor sente e vê à sua frente foram fatores tidos em conta nos cálculos finais para o índice ADR”, apontou, na altura, Mark Hadley, especialista em relatividade geral e teoria quântica, e responsável pelo estudo.

A análise considerou que “o tempo gasto nas retas torna-se o momento ideal para apreciar a paisagem envolvente antes de chegar à próxima curva, enquanto possibilita ao condutor o prazer e emoção de uma condução desafiante”.

O percurso em causa integra a Estrada Nacional 222, pertencente à Rede Nacional de Estradas, que contabiliza 226,3 quilómetros de extensão. O percurso completo tem início em Mafamude, no centro de Vila Nova de Gaia, e termina em Almendra, já no concelho de Vila Nova de Foz Côa.

Ao aventurar-se por esta estrada, considerada uma das melhores e mais bonitas do mundo, terá oportunidade de se deslumbrar com uma diversidade imensa de tesouros, desde os patrimónios classificados como Património da Humanidade – como a Ribeira do Porto, o Alto Douro Vinhateiro e as Gravuras Rupestres de Foz Côa -, aos miradouros com paisagens de “cortar a respiração” e às tão afamadas especialidades gastronómicas e vinhos de renome.

Durante a viagem, pode e deve aproveitar para conhecer locais emblemáticos como Cinfães do Douro, Resende, Régua, Pinhão, São João da Pesqueira e Vila Nova de Foz Côa.

PUB
www.pingodoce.pt/pingodoce-institucional/revista-sabe-bem/sabe-bem-ha-10-anos-a-mesa-consigo/?utm_source=vivaporto&utm_medium=banner&utm_term=banner&utm_content=100521-ta5&utm_campaign=sabebem61

Viva! no Instagram. Siga-nos.