PUB
Philips S9000

Porto é a cidade portuguesa candidata à Agência Europeia do Medicamento

Porto é a cidade portuguesa candidata à Agência Europeia do Medicamento

PUBLICIDADE - CONTINUE A LEITURA A SEGUIR
O Conselho de Ministros decidiu, esta quinta-feira, apenas apresentar a cidade do Porto como candidata a acolher a sede da Agência Europeia de Medicamentos.

No final da reunião do Conselho de Ministros, a ministra da Presidência, Maria Manuel Leitão Marques, disse que foi decidido que o Porto é a cidade portuguesa que “apresenta melhores condições para acolher a sede daquela instituição”.
“O Porto está mais próximo do centro da Europa, está mais perto do centro da Península (Ibérica)”, assinalou, por seu lado, o ministro da Saúde, Adalberto Campos Fernandes.
O Governo já tinha escolhido Lisboa como a cidade candidata a receber a sede da Agência Europeia do Medicamento no final de abril deste ano. Mas perante a contestação do Porto, nomeadamente por parte do seu presidente da Câmara, Rui Moreira, o executivo voltou atrás na decisão e reabriu o processo de forma a integrar também o Porto.

De referir que Lisboa é já sede de duas agências europeias, a da Segurança Marítima e o Observatório Europeu da Droga e da Toxicodependência.
Outras cidades, como Bruxelas, Barcelona, Milão, Amesterdão, Atenas, Dublin, Copenhaga e Estocolmo, pretendem também receber a sede da Agência Europeia do Medicamento.
O prazo para a apresentação de candidaturas acaba no fim deste mês de julho e a decisão final deverá ser conhecida em novembro.
PUBLICIDADE - CONTINUE A LEITURA A SEGUIR

PUB
Pingo Doce- Revista Sabe Bem