CIN Cinacryl

Os segredos que escondem os nossos dentes

Os segredos que escondem os nossos dentes

Durante o último ano, os dentes foram ficando escondidos atrás de um sorriso que, por força da pandemia, se viu obrigado a resguardar-se sob uma máscara cirúrgica ou comunitária. Ainda que, agora, se mostrem a maior parte do tempo invisíveis, são eles que nos ajudam a expressar, a mastigar os alimentos de que o nosso corpo necessita para se manter vivo e nos ensinam muito sobre o que somos.

Sabia que os dentes guardam segredos que a maior parte das pessoas desconhece? Pois é… E se lhe dissessemos que os dentes estão em constante movimento? Que passamos, em média, 39 anos de vida a lavar os dentes? E que produzimos saliva suficiente para encher duas piscinas olímpicas?

Acredite, é mesmo verdade. Ora, vamos às explicações!

Começamos por aquele que parece estar a causar mais admiração. Produzimos mesmo saliva suficiente para encher duas piscinas olímpicas? Parece que sim. De acordo com a mesma fonte, os cidadãos produzem, diariamente, cerca de um litro de saliva, a quantidade suficiente para “ao longo de uma vida acumular saliva para encher duas piscinas”, explica.

Segundo os especialistas, o esmalte da superfície superior do doente será “a parte mais dura de todo o corpo”, uma vez que é “composto por cálcio e fosfato” e por proteínas que lhe conferem esta particularidade. “Esta camada externa dos dentes funciona como uma casca dura e tem como principal objetivo proteger o resto do dente”.

Na dentição, apenas 2/3 dos dentes estão verdadeiramente visíveis, porque o resto está escondido “nas gengivas”.

Como elemento sensível que são, os dentes exigem uma higiene diária cuidada e eficaz. Em média, é recomendado que estes sejam escovados “no mínimo duas vezes por dia” durante pelo menos “dois minutos”. Desta forma, exemplifica, um indíviduo que tenha um tempo de vida estimado de 80 anos dispende de “39 dias da sua vida a lavar os doentes”.

Por último, sabia que os dentes estão em constante movimento? “Esta mobilidade ocorre de forma discreta, diariamente, em todos os dentes durante a mastigação”, sublinha a cadeia de clínicas, assegurando que é possível conter ou solucionar por completo este movimento “através do tratamento ortodôntico invisível”.

PUB
www.pingodoce.pt/produtos/take-away/encomendas/menu-seleccao-do-chef/?utm_source=vivaporto&utm_medium=banner&utm_term=banner&utm_content=181021-menu&utm_campaign=menuchef

Viva! no Instagram. Siga-nos.