PUB
Sogrape - Mateus Rosé

Operação Nariz Vermelho inaugura em Gaia o 15º programa de visitas

Operação Nariz Vermelho inaugura em Gaia o 15º programa de visitas
No ano em que assinala 15 anos de missão, a Operação Nariz Vermelho (ONV) inaugura o seu 15º programa de visitas. A partir deste mês, o serviço de pediatria do Centro Hospitalar de Vila Nova de Gaia/Espinho (CHVNG/E) passa a receber as visitas semanais de Doutores Palhaços, que fazem do riso o melhor remédio.

PUBLICIDADE - CONTINUE A LEITURA A SEGUIR

Trata-se de um trabalho profissional que visa levar gargalhadas na ponta do nariz a crianças hospitalizadas e seus familiares.
Este novo programa de intervenção dos Doutores Palhaços surge no âmbito da campanha “15 anos, 15 hospitais” e conta com o apoio da Ikea Portugal, parceira do programa de visitas, que se envolveu na causa para permitir alargar o programa de visitas destes artistas profissionais a um novo hospital, o 15º em Portugal e o primeiro no concelho de Gaia.
“As crianças são as pessoas mais importantes do mundo para a Ikea. Acreditamos que brincar é fundamental para o seu bem-estar e desenvolvimento e que todas as crianças têm direito a brincar. Por isso, é com muito orgulho que envolvemos os nossos membros Ikea Family e contribuímos para a concretização deste programa”, explica Cláudia Domingues, diretora de comunicação da Ikea Portugal.
Receber a visita de um Doutor Palhaço, para além de uma experiência muito especial para uma criança, tem benefícios comprovados, segundo os resultados de “Rir é o melhor remédio?”, um estudo científico desenvolvido em parceria com o Centro de Investigação em Educação da Universidade do Minho.
Para Nicole Azevedo, presidente da Operação Nariz Vermelho, ”num ano tão especial para a ONV, em que celebramos o nosso 15º aniversário, é com um imenso orgulho que juntamos mais uma unidade hospitalar ao nosso programa de intervenção, oferecendo agora o nosso trabalho ao CHVNG/E. Atingimos, desta forma, o objetivo de presença em 15 hospitais, que nos possibilita levar alegria a um maior número de crianças internadas, aos seus familiares e profissionais de saúde”, sublinha a responsável.

PUBLICIDADE - CONTINUE A LEITURA A SEGUIR

PUB
PD- Literarura Infantil