PUB
Santander Saúde

Na Queima das Fitas do Porto também há espaço para a solidariedade

Na Queima das Fitas do Porto também há espaço para a solidariedade
O terceiro dia da Queima das Fitas do Porto teve agenda (e coração!) cheia! A agitação começou com o Dia da Beneficência com os estudantes do Porto a mostrarem o seu lado mais solidário. Várias instituições percorreram as ruas da cidade invicta para recolher donativos para o Centro Comunitário S. Cirilo e os resultados rondaram os 3000 euros.

PUBLICIDADE - CONTINUE A LEITURA A SEGUIR

Já o Coliseu do Porto acolheu o concerto Promenade, que uniu os estudantes da academia com formação musical à Orquestra do Norte. O espetáculo de música clássica proporcionou um ambiente “intimista” onde os aplausos foram acompanhados pelo som das bengalas e pelo abanar das fitas.
O rap de Dillaz abriu a noite no Queimódromo e ‘’não há palavras para vocês’’ foi a expressão que o artista usou para manifestar o orgulho por um público que sabia o reportório de início ao fim.
A noite no palco principal terminou com o público aos saltos devido às boas energias da banda Dub Inc, os franceses que trouxeram o reggae à Queima das Fitas do Porto.
Em terça-feira de cortejo e Quim Barreiros, espera-se mais um dia certamente memorável para os estudantes da Academia.

PUBLICIDADE - CONTINUE A LEITURA A SEGUIR

PUB
Pingo Doce- Revista Sabe Bem