RECHEIO 50 ANOS

Museu projetado por Álvaro Siza e Carlos Castanheira vence Prémio Edifício do Ano Archdaily

Museu projetado por Álvaro Siza e Carlos Castanheira vence Prémio Edifício do Ano Archdaily

O MoAE – Huamao Museum of Art Education (Museu de Arte e Educação), na cidade chinesa de Ningbo, projetado pelos arquitetos Álvaro Siza Vieira e Carlos Castanheira, venceu o prémio Edifício do Ano 2021, na categoria Arquitetura Cultural, anunciou a ArchDaily.

O edifício de Álvaro Siza e Carlos Castanheira era o único projeto de arquitetos portugueses finalista da conhecida plataforma de arquitetura, tendo sido o mais votado na categoria Arquitetura Cultural. Os outros finalistas, nesta categoria, eram o Museu Audemars Piguet, em Le Brassus, na Suíça, o centro chinês de Arte de Qujiang, em Xi`an – Shanxi, o edifício Experimenta, em Heilbronn, na Alemanha, e o MEETT – Centro de Congressos e Exposições de Toulouse.

Foto: © Bowen Hou

O museu, situado junto ao lago Dongqian, tem cerca de seis mil metros quadrados. Inaugurado em novembro de 2020, o edifício, com uma altura de 25 metros, em vez de escadas tem uma rampa sem barreiras a ligar os cinco andares e é iluminado apenas por janelas situadas no rés do chão e no topo do museu.

A categoria Arquitetura Cultural é uma das 15 que compõem os prémios do ArchDaily. Os vencedores podem ser vistos aqui.

Foto de entrada: Fundação de Serralves

PUB
www.pingodoce.pt/campanhas/sabor-do-mes/?utm_source=cm&utm_medium=banner&utm_term=leaderboardmobile&utm_content=carne&utm_campaign=sabordomes