PUB
Recheio 2024 Profissional

Mostra de Teatro Amador até 20 de maio em Valongo

Mostra de Teatro Amador até 20 de maio em Valongo

PUBLICIDADE - CONTINUE A LEITURA A SEGUIR
Valongo acolhe até 20 de maio uma Mostra de Teatro Amador que apresentará em palco mais de 10 peças de associações concelhias que primam por uma “entrega incondicional à arte teatral”.

“A Mostra de Teatro Amador é uma das atividades permanentes de maior importância na programação cultural do Município de Valongo, realizada com o objetivo de valorizar e dar a conhecer ao maior número possível de pessoas o trabalho dos grupos de teatro do concelho”, refere o presidente da Câmara de Valongo, José Manuel Ribeiro, em comunicado.
O autarca destaca a “entrega incondicional à arte teatral que tem permitido manter viva uma tradição de longos anos no concelho”.
O evento teve início segunda-feira, Dia Mundial do Teatro, com a exibição da peça “A Casa de Bernarda Alba” pelo ENTREtanto TEATRO no Fórum de Ermesinde, um dos palcos onde decorre a edição deste ano, somando-se a Sala das Artes do Fórum Vallis Longus, no centro do concelho.
Esta sexta-feira sobe ao palco “Um conto do mar” pelo Teatro Amador Suzanense, enquanto no domingo o Grupo Dramático e Musical de Campo apresenta “A falecida deixou a coisa”.
No dia 7 de abril, o vencedor do Concurso Nacional de Teatro, o Grupo Dramático e Recreativo da Retorta, coloca em cena “Palco de Babel”. No dia seguinte, a Sabor a Teatro – Associação Cultural apresenta “Medeias”.
A 21 de abril é a vez da peça “É hoje” da Cabeças no Ar e Pés na Terra – Associação Cultural Batatas com Salsichas, seguindo-se, a 22, “Saltos e Saltas” do Grupo Cénico São Vicente de Alfena.
“O último bom malandro” da Associação Desportiva e Cultural dos Canários de Balselhas, bem como “António Aleixo, catedrático da vida” do Rotary Clube de Valongo/Universidade Sénior estreiam a 28 e 29 de abril.
No dia 5 de maio, atua a Associação Cultural e Recreativa Vallis Longus com “Enquanto ela não aparece” e no dia seguinte é a vez de “Amor às três pancadas” da Associação Cultural e Recreativa Fora d’Horas. A 13 de maio, a Associação Académica e Cultural de Ermesinde Casca de Nós apresenta “Crise a quanto obrigas!”.
“Para incentivar as associações que integram o programa a apostarem cada vez mais na qualidade das peças, pelo quarto ano consecutivo a Mostra de Teatro Amador conta com um júri de atores profissionais que avaliará as categorias melhor espetáculo de teatro, melhor ator, melhor atriz, melhor luminotecnia, melhor figurino, melhor cenografia, melhor encenação e melhor música/sonoplastia. Será atribuído um troféu por cada categoria, no encerramento da Mostra de Teatro Amador, que terá lugar dia 20 de maio no Fórum Cultural de Ermesinde”.

PUBLICIDADE - CONTINUE A LEITURA A SEGUIR

PUB
Pingo Doce- Revista Sabe Bem