PUB
Junta da Galiza

Mosteiro de Leça do Balio reabre: saiba de que forma

Mosteiro de Leça do Balio reabre: saiba de que forma

A partir do dia 22 de junho, o Mosteiro de Leça do Balio, em Matosinhos, abrirá ao público após um projeto de reabilitação. Adquirido pelo centro empresarial da Lionesa, o mosteiro agora serve como sede da Fundação Livraria Lello e oferece diversos espaços culturais.

Os visitantes poderão explorar o mosteiro gratuitamente, mediante inscrição prévia no site da fundação. O horário de verão para visitas é das 10h às 18h, todos os dias da semana, excepto no dia 24 de junho.

De acordo com o JN, a cerimónia de inauguração oficial está programada para o dia 21. O evento será marcado pela abertura da exposição “Act The Thought,” que apresentará centenas de fotografias de grandes dimensões em torno do edifício. Esta exposição pretende alertar o público sobre os perigos da desinformação.

Para reunir as fotografias que compõem a exposição, o projeto “Inside Out” terá uma “photobooth” móvel na Baixa do Porto no sábado e domingo, das 10h às 17h. No sábado, o estúdio móvel vai estar na estação de metro da Trindade e, no domingo, na Rua das Carmelitas, perto da Livraria Lello.

PUBLICIDADE - CONTINUE A LEITURA A SEGUIR

A exposição “Act The Thought” pretende estabelecer um diálogo visual e emocional através de rostos de pessoas anónimas e fotografias de figuras influentes como Salman Rushdie, Nelson Mandela, Toni Morrison, Mário Soares e José Saramago, que foram de alguma forma afetadas pelo tema da desinformação.

Durante a cerimónia de abertura, será anunciada a programação do mosteiro para 2024 e, também, será estabelecido um protocolo entre a Fundação Livraria Lello e várias instituições de ensino superior do Norte, com o intuito de desenvolver projetos e iniciativas sobre desinformação.

Os visitantes também poderão apreciar a Escultura Aberta, criada pelo arquiteto Álvaro Siza. A entrada tem o custo de 8 euros, enquanto crianças até 12 anos entram gratuitamente quando acompanhadas por adultos. Estudantes e pessoas com 65 anos ou mais pagam 4 euros, e as famílias têm um bilhete especial de 20 euros.

PUBLICIDADE - CONTINUE A LEITURA A SEGUIR

PUB
PD- Literarura Infantil