CIN - Branco Perfeito

Instituição do Porto entre as 50 melhores escolas de negócios do mundo

Instituição do Porto entre as 50 melhores escolas de negócios do mundo

A Porto Business School (PBS) volta a integrar o Executive Education Ranking do Financial Times de 2022, ocupando a 40.ª posição entre as melhores escolas de negócios do mundo.

A classificação da instituição portuense entre as 50 melhores escolas ajuda a colocar Portugal como o terceiro país mais bem qualificado neste ranking, atrás apenas da França e do Reino Unido.

Na categoria Open Programmes, a Porto Business School vê a classificação subir 22 posições, ocupando agora o 53.º lugar, “com destaque para a melhoria em variáveis como escolas parceiras, participantes internacionais e satisfação geral do cliente. Em dez pontos, a instituição conquistou 9.33”, refere o portal de notícias da Câmara do Porto.

A autarquia afirma que “a melhorar no ranking do Financial Times apresentaram-se também os programas de Custom Executive. Nesta categoria, a Porto Business School ocupa a 48.ª posição, dez lugares acima da avaliação anterior. O crescimento da atividade, o design do programa, as escolas parceiras e a utilização futura das competências obtidas são os critérios em que a escola atingiu a melhor pontuação”.

O dean da Porto Business School, Ramon O’ Callaghan, citado na nota, confessa ser “um orgulho consolidar a nossa posição no ranking do Financial Times, somando resultados positivos que contribuem para posicionar Portugal como uma referência mundial na área da formação executiva”.

“Existem sempre novos desafios a alcançar e que cada ano nos presenteia com cada vez mais estímulos e motivação. Continuaremos, por isso, sempre a inovar, com programas de excelência dando resposta às necessidades, também elas em mudança contínua, dos indivíduos e das empresas”, acrescenta.

Além da PBS o ranking Executive Education 2022 do Financial Times, divulgado esta segunda-feira, destacou também a Nova School of Business & Economics (Nova SBE), a Católica Lisbon School of Business & Economics e o ISEG Lisbon School of Economics and Management.

Referir que no ranking agregado do Financial Times são analisados critérios como as metodologias de ensino, a qualificação do corpo docente, a contribuição para novas competências e aprendizagens, e o retorno do investimento dos participantes, sendo também avaliados os programas de inscrição aberta e os programas customizados para empresas.

PUB
www.pingodoce.pt/campanhas/sabor-do-mes/?utm_source=cm&utm_medium=banner&utm_term=leaderboardmobile&utm_content=peixe&utm_campaign=sabordomes