Santander Escolhas 1

Galeria da Biodiversidade acolhe exposição “Gerês-Xurés em fotografia”

Galeria da Biodiversidade acolhe exposição “Gerês-Xurés em fotografia”

“Gerês-Xurés em fotografia” mostra 50 imagens selecionadas entre as mais de mil submetidas ao concurso promovido pela CCDR-N e Mira Fórum.

No âmbito do projeto de dinamização da Reserva da Biosfera Transfronteiriça Gerês-Xurés (Gerês-Xurés Dinâmico), a Comissão de Coordenação de Desenvolvimento Regional – Norte (CCDR-N), em parceria com o Mira Fórum, lançou um concurso de fotografia, intitulado “Gerês-Xurés em fotografia”.

A iniciativa tinha como objetivo “contribuir para a revelação e divulgação do trabalho de fotógrafos profissionais e amadores, expondo o seu trabalho”, bem como “divulgar a beleza e a harmonia ambiental da Reserva junto de um público nacional e internacional”.

Foram submetidas mais de mil fotografias a concurso, sendo que as 50 imagens finalistas podem agora ser conhecidas na exposição homónima, patente na Galeria da Biodiversidade da Universidade do Porto até 22 de novembro.

“Desde a Via Láctea até à libelinha, passando pelos seres humanos, por outros animais, pelas veredas, pela água. Temos ali um Gerês complexo e multifacetado”, salientou ao jornal Público Manuela Matos Monteiro, responsável pela galeria Mira Fórum e curadora da exposição, a par de João Lafuente.

Entre as imagens exibidas, há uma que é considerada a vencedora do concurso, da autoria de Diogo Ferreira, que mostra uma lagoa, vista de cima, cercada por várias rochas, com um homem a boiar.

A diversidade inerente à fotografia pesou na decisão do júri, constituído por cinco entidades: CCDR-N, Adere Peneda-Gerês, Agência de Turismo da Galiza, Universidade do Porto e galeria Mira Fórum.

De referir que as fotografias não identificam a localidade onde foram tiradas.

O concurso de fotografia faz parte do Gerês-Xurés Dinâmico, um projeto apoiado pelo programa Interreg España-Portugal – Poctep e desenhado para “contribuir para a melhoria do estado de conservação do habitat da Reserva da Biosfera Transfronteiriça, tanto de forma direta, através da melhoria das suas condições ambientais, como indireta, dando a conhecer e integrando na vida quotidiana da população local critérios de conservação e desenvolvimento socioeconómico”.

A exposição na Galeria da Biodiversidade – Centro Ciência Viva pode ser visitada de terça a domingo, das 10h às 18h, até 22 de novembro. A entrada é gratuita.

Fotos: Museu de História Natural e da Ciência da U.Porto

PUB
www.pingodoce.pt/pingodoce-institucional/revista-sabe-bem/sinta-o-natal-com-a-sabe-bem/?utm_source=cm&utm_medium=banner&utm_term=leaderboardmobile&utm_content=sabebem70&utm_campaign=sabebemfazbem