Philips

Gaia e Porto vão lançar em conjunto o concurso da travessia fluvial do Douro

Gaia e Porto vão lançar em conjunto o concurso da travessia fluvial do Douro

A Área Metropolitana do Porto (AMP) aprovou esta sexta-feira, dia 29, que sejam delegadas ao Porto e a Vila Nova de Gaia competências sobre o transporte fluvial no rio Douro, permitindo à STCP Serviços lançar um concurso para a travessia Afurada – Ouro.

O presidente da AMP e da Câmara de Gaia, Eduardo Vítor Rodrigues, afirmou, em declarações aos jornalistas, que “aquilo que faz sentido é aproveitar o que já temos, a STCP Serviços nomeadamente, que também ganha com esta diversificação de atividades”.

“Não faria nenhum sentido estar a criar uma estrutura nova para lançar um concurso público e para gerir o contrato da Afurada ao Porto”, reforçou.

A deliberação, aprovada por unanimidade, possibilita também que, “em vez de ser a Área Metropolitana a lançar o concurso, o que depois cria complexidades no pagamento das obrigações de serviço público”, sejam “os municípios beneficiários a lançar o concurso, via empresa subsidiária, e a assumirem os custos”.

No início do mês de julho, Eduardo Vítor Rodrigues, referiu que o procedimento para a travessia fluvial entre a Afurada e o Cais do Ouro, no Porto, poderá ser lançado até outubro.

A propósito do transporte fluvial no rio Douro, o autarca recordou o tema do transporte anfíbio, querendo alargar “a discussão” ao município de Gondomar, “que está também empenhado neste assunto”.

Por seu turno, sobre o concurso público municipal, em Vila Nova de Gaia, para transporte através de um veículo anfíbio, o presidente da Câmara, frisou que, depois de o anterior vencedor do concurso não ter submetido os documentos de habilitação e a caução, obrigando à caducidade do contrato, o novo concurso “está neste momento em procedimento”.

PUB
www.pingodoce.pt/campanhas/sabor-do-mes/?utm_source=cm&utm_medium=banner&utm_term=leaderboardmobile&utm_content=carne&utm_campaign=sabordomes