Sabor do mês PD - peixe

Gaia aprova comparticipação de 162 mil euros para pagar défice do passe único

Gaia aprova comparticipação de 162 mil euros para pagar défice do passe único

A Câmara Municipal de Vila Nova de Gaia aprovou, segunda-feira, por unanimidade, a comparticipação de 162 mil euros relativa ao défice do Programa de Apoio à Redução Tarifária (PART), responsável pelo passe único da Área Metropolitana do Porto (AMP).

De acordo com o autarca de Gaia, Eduardo Vítor Rodrigues, “no que diz respeito à compensação necessária devido à Covid-19, esse será inteiramente paga pelo Estado”, num total de 94 milhões de euros.

Para o presidente, é “inevitável” que os transportes passem a ser “uma nova rubrica dos orçamentos municipais”.

“Tendo em conta o esforço que está a ser feito pelo Governo para reforçar a subsidiação nos transportes, acho que foi a solução mais justa. Esta é uma nova rubrica dos orçamentos municipais. Não há nada a fazer. Isto cria-nos uma responsabilidade financeira, mas também nos cria um poder de intervenção”, disse o autarca, citado pelo Observador.

Eduardo Vítor Rodrigues considera que “neste momento os transportes são o grande indicador da qualidade de vida das pessoas. Podemos resolver um problema de rede, um problema de qualidade do serviço e também problemas ambientais”.

O autarca estima que em 2021 terá de alocar no orçamento camarário 2,5 milhões de euros para os transportes, uma verba que “inclui o PART, inclui subsidiar o reforço da operação, nomeadamente em zonas que não são lucrativas, mas não inclui políticas sociais que venham a ser implementadas como o passe de Ensino Superior e o alargamento do passe sub13 para sub18”, enumerou.

PUB
www.pingodoce.pt/pingodoce-institucional/revista-sabe-bem/diga-ola-ao-verao-com-a-sabe-bem/?utm_source=cm&utm_medium=banner&utm_term=leaderboardmobile&utm_content=sabebem&utm_campaign=sabebem