PUB
Recheio 2024 Institucional

FITEI arranca esta quinta-feira

FITEI arranca esta quinta-feira

PUBLICIDADE - CONTINUE A LEITURA A SEGUIR
O Festival Internacional de Teatro de Expressão Ibérica (FITEI) dá hoje, quinta-feira, início à sua 40.ª edição, que se realiza sob o tema “Comunidade e Memória” no Porto e com extensões em Matosinhos, Viana do Castelo e Felgueiras.

“Para a edição 40, escolhemos o tema ‘Comunidade e Memória’. Quisemos ir à procura dos artistas de referência que se têm ocupado no teatro contemporâneo dos temas da memória e da pós-memória. O Festival contará com dois nomes que são referências mundiais: a argentina Lola Arias e a portuguesa Joana Craveiro”, refere o diretor artístico do festival que se prolonga até 17 de junho, Gonçalo Amorim, numa mensagem intitulada “A vida começa aos 40”, citada pela Lusa.
A Cooperativa Árvore recebe, esta quinta-feira, a partir das 18h, uma cerimónia de homenagem “a várias personalidades que marcaram a História daquele que é o mais antigo festival de artes performativas do país”, sendo também o dia da estreia de “Macbeth”, no Teatro Nacional São João, com encenação de Nuno Carinhas.
“Queríamos celebrar estes 40 anos, olhando para trás, para a história contemporânea, articulando arte com política. Daí a importância do tema comunidade associado ao da memória. Com comunidade quisemos celebrar as comunidades reais da cidade, e não as inventadas, dando conta do lastro que nos vai unindo como portuenses”, acrescentou Gonçalo Amorim.
Ao longo de duas semanas, o festival vai acolher trabalhos como “Pájaro”, de Trinidad Gonzalez (Rivoli, no Porto, sexta-feira e sábado), “Calypso”, encenada por Marta Pazos (Teatro Municipal Sá de Miranda, em Viana do Castelo, no sábado, e no Palácio do Bolhão, no Porto, a 7 de junho), “Campo Minado”, de Lola Arias (Teatro Carlos Alberto, no Porto, dias 8 e 9 de junho), entre muitos outros.
O diretor artístico do Teatro Nacional D. Maria II, Tiago Rodrigues, vai estar no Porto com dois espetáculos: “António e Cleópatra”, no Teatro do Campo Alegre, dias 16 e 17 de junho, e “By Heart”, no Rivoli, no último dia do festival.
O FITEI vai apresentar ainda três projetos com alunos em formação do Balleteatro e da Escola Superior Artística do Porto, organizando várias ações de formação abertas ao público em geral.

PUBLICIDADE - CONTINUE A LEITURA A SEGUIR

PUB
Pingo Doce- Revista Sabe Bem