RECHEIO 50 ANOS

Exposição de criptoarte chega à Invicta esta quarta-feira

Exposição de criptoarte chega à Invicta esta quarta-feira

O Porto recebe na próxima quarta-feira, 24 de novembro, uma exposição relâmpago de criptoarte. O evento, em estreia absoluta na cidade, terá lugar no espaço galerístico “Cooperativa Árvore” e vai decorrer durante apenas seis horas, entre as 13h00 e as 19h00.

Em exposição vão estar seis obras de arte, cada uma delas com a duração de 24 segundos. Entre as várias propostas, destaca-se a série “Kilowatt” da coleção “Electra”, assinada por Galla, cripto-artista “sem género, sem idade, sem raça, sem religião e apolítico”, que “só existe no ambiente digital”.

“A exposição apresenta ao público, através de displays, seis obras de 24 segundos cada, em formato MP4, alojadas na blockchain e comercializadas através do marketplace OpenSea”, lê-se na nota de apresentação.

Em causa, segundo avança a empresa municipal Ágora, está “uma nova forma de expor e comprar arte em galeria”, que apenas existe em formato digital. “Em termos gerais, a criptoarte só existe digitalmente e a sua comercialização só pode ser feita dessa forma, sem transação de dinheiro físico e usando o chamado «dinheiro do futuro», a criptomoeda”, explica ainda.

Os interessados poderão adquirir as obras de arte expostas através do telemóvel.

Na manhã da inauguração da exposição de criptoarte está marcada uma conferência sobre o tema, sujeita a inscrição prévia, através do e-mail [email protected], que contará com a participação de Marcus Ferreira, CEO da CryptoArtCulture, e Manuel Loureiro, professor da Escola Artística e Profissional Árvore. A sessão analisará “o impacto desta revolução digital e tecnológica no campo da arte contemporânea”.

PUB
www.pingodoce.pt/campanhas/sabor-do-mes/?utm_source=cm&utm_medium=banner&utm_term=leaderboardmobile&utm_content=peixe&utm_campaign=sabordomes