PUB
CMPorto

Emprego no final de 2015 cresceu na região Norte do país

Emprego no final de 2015 cresceu na região Norte do país

PUBLICIDADE - CONTINUE A LEITURA A SEGUIR
O emprego na região Norte de Portugal voltou a crescer no último trimestre de 2015, em comparação com o mesmo período do ano anterior, tendo sido a indústria transformadora o setor que mais contribuiu para esse crescimento, revela o relatório Norte Conjuntura.

“No quarto trimestre de 2015, o emprego na Região do Norte voltou a crescer em termos homólogos (mais 0,9%), depois de ter observado uma variação nula no trimestre anterior”, explica em comunicado a Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Norte (CCDR-N), responsável pelo relatório trimestral.
Ainda de acordo com a CCDR-N, “a indústria transformadora foi o setor que mais contribuiu para esse crescimento”.
O estudo revela também que no quarto trimestre do ano passado, a taxa de desemprego na região Norte fixou-se em 13,5% “mantendo-se quase estável face ao trimestre anterior” que tinha assinalado um valor de 13,6%.
“A quase estabilidade da taxa de desemprego resulta do desemprego masculino, enquanto a taxa feminina de desemprego tem conhecido maior evolução”, explica o documento segundo o qual “a população desempregada residente na região Norte, estimada pelo Instituto Nacional de Estatística, totalizava no quarto trimestre cerca de 245 mil indivíduos”.
Os municípios que mais contribuíram para a variação homóloga negativa do desemprego registado na região do Norte no final de 2015 voltaram a ser Vila Nova de Gaia, com menos 2174 desempregados inscritos do que um ano antes, e Braga, com menos 1669 desempregados.
Quanto à taxa de emprego, a região Norte verificou uma taxa de 66,7% de população empregada “superando os registos do trimestre anterior” com 66,5%.
Numa média anual, a taxa de emprego no Norte aumentou 1,2 pontos percentuais.

PUBLICIDADE

PUB
PD-Bairro Feliz