CMPorto

DGS desaconselha administração da vacina da AstraZeneca a maiores de 65 anos

DGS desaconselha administração da vacina da AstraZeneca a maiores de 65 anos

A Direção-Geral de Saúde (DGS) emitiu esta segunda-feira um comunicado onde indica que, até que estejam disponíveis novos dados, a vacina da AstraZeneca contra a covid-19, cujo primeiro lote chegou no domingo a Portugal, deve ser preferencialmente utilizada para pessoas com idade igual ou inferior a 65 anos de idade. 

Contudo, alerta, “em nenhuma situação deve a vacinação de uma pessoa com 65 ou mais anos de idade ser atrasada” caso apenas esteja disponível a vacina em causa.  

No mesmo documento, a DGS esclarece ainda sobre o modo de preparação e administração da vacina da AstraZeneca, sublinhando que são recomendadas “duas doses com intervalo de 12 semanas”. 

“Se, após a primeira dose, for confirmada infeção por SARS-CoV-2, não deve ser administrada a segunda dose”, da mesma forma que, explica, caso tenha sido administrada a primeira dose a uma pessoa que tenha estado infetada “não deve ser administrada a segunda”.  

“Se houver atraso em relação à data marcada para a segunda dose, ou, por qualquer intercorrência, não puder ser administrada, a mesma será reagendada logo que possível”, refere ainda, acrescentando que “todas as oportunidades de vacinação devem ser aproveitadas para completar o esquema vacinal, respeitando as recomendações desta norma”. 

Note-se que esta recomendação surge depois de alguns países da União Europeia terem desaconselhado a administração da vacina da AstraZeneca a pessoas com mais de 65 anos, justificada com a falta de dados para esta grupo. 

Com este anúncio, Portugal junta-se assim ao leque de outros países que já haviam comunicado a mesma decisão, entre os quais França e Alemanha. 

No seu portal de notícias, a DGS recorda ainda que não devem dirigir-se à vacinação “pessoas com sintomas sugestivos de covid-19 sem que seja excluída a infeção por SARS-CoV-2” e que “as pessoas que estiverem em isolamento profilático devem adiar a vacinação para quando este terminar”.

PUB
 www.pingodoce.pt/responsabilidade/bairro-feliz/?utm_source=cm&utm_medium=banner&utm_term=leaderboardmobile&utm_content=votacao&utm_campaign=bairrofeliz