Philips

Desporto no Bairro regressa ao Porto com novas modalidades

Desporto no Bairro regressa ao Porto com novas modalidades

A segunda edição do Desporto no Bairro arranca este mês, e começa com duas modalidades novas, o skate e o surf.

Apresentado na tarde da passada quinta-feira, no Parque da Pasteleira, a vereadora com o pelouro da juventude e Desporto, Catarina Araújo, conta que “superámos as nossas expetativas, queríamos chegar a 150 jovens, e foi fabuloso que tenhamos conseguido inspirar mais de 600”.

Destinado aos jovens da cidade, este projeto tem um investimento que ronda os 100 mil euros, sendo assim possível levar esta edição a mais seis bairros que receberão as aulas através de mais de 20 professores.

Em 2020, as aulas de breaking, integradas neste projeto, contaram com a presença de 600 alunos, o que tornou possível atuarem no palco do Super Bock Arena- Pavilhão Rosa Mota, que nas palavras do Presidente da Câmara do Porto, Rui Moreira, foi um “memorável espetáculo”.

“Fizemo-lo sem impor nada, indo apenas ao seu encontro e dando-lhes uma opção para se divertirem, aprenderem algo novo e descobrirem uma nova paixão. Bastou um rádio e um linóleo estendido no chão. O resto foi o sucesso que todos conhecemos”, acrescentou ainda Rui Moreira.

Espelhado neste projeto o objetivo de mudar vidas, a pretenção de inspirar os mais jovens a “a encontrar um caminho, potenciando novas aprendizagens e novas competências sociais, diluindo barreiras culturais e geográficas” e cultivando a autoconfiança, e nas palavras do autarca, “o melhor dos méritos que podemos apontar”.

Desta vez, aos bairros da Pasteleira, Pinheiro Torres, Ramalde, Campinas, Aldoar, Fonte da Moura, Viso, Cerco e Lagarteiro, o Desporto no Bairro vai ser alargado a Francos, Contumil, Pio XII, São Tomé, Carriçal e Agra do Amial, num total de 14 divididos por seis polos principais.

Com a modalidade do breaking que “continuará a ser a pedra basilar deste programa municipal”, uma outra atividade integra o calendário, o skate, descrito como “desporto saudável e gerador de boas práticas”.

Este ano, umj desporto aquático também se insere, o surf, que segundo Rui Moreira, “queremos desmistificar a ideia de que o surf é um desporto apenas para elites, tornando-o verdadeiramente acessível a todos, independentemente da idade, do sexo ou do estrato social”.

O Desporto no Bairro conta com o apoio da empresa municipal Ágora.

Foto: CM Porto

PUB
www.pingodoce.pt/pingodoce-institucional/revista-sabe-bem/diga-ola-ao-verao-com-a-sabe-bem/?utm_source=cm&utm_medium=banner&utm_term=leaderboardmobile&utm_content=sabebem&utm_campaign=sabebem