PUB
Recheio 2024 Institucional

Despertar da Primavera no Teatro Nacional São João até domingo

Despertar da Primavera no Teatro Nacional São João até domingo

PUBLICIDADE - CONTINUE A LEITURA A SEGUIR
Até domingo, dia 23 de julho, o Teatro Praga apresenta “Despertar da Primavera, uma Tragédia de Juventude” no palco do Teatro Nacional São João (TNSJ), com encenação de Pedro Zegre Penim. Recheada de temas difíceis da adolescência que tendem sempre a causar polémica, a obra de Frank Wedekind foi escrita em 1891.  

Nesta aventura pink, avança nota enviada à imprensa, “foi inventada uma espécie de linguagem que junta vários regionalismos da língua portuguesa nas suas diferentes tradições literárias (por exemplo Gil Vicente e Camilo Castelo Branco) com a linguagem oral (gíria das comunidades LGBT, cadências pop ou referências geração skater) e outros idiomas (inglês, castelhano, alemão e francês)”.
Isabel Carlos (diretora do Centro de Arte Moderna) resume, dizendo que “num tempo de comunicação por abreviaturas e vocabulário diminuto, assistir a um texto rico e de amplo espectro foi um prazer e uma bênção, um ato de resistência contra a ignorância”.  
Por seu lado, Rita Natálio (dramaturga, crítica e performer) assume que “Despertar da Primavera, uma Tragédia de Juventude” consegue “traduzir o drama burguês estático da sexualidade em Wedekind para a escala cromática e esquiva do voguing e do queer” ao colocar em movimento uma espécie de carnavalização da língua e dos costumes, pejada de sarcasmos e impertinências.
O espetáculo é uma coprodução Teatro Praga, Centro Cultural de Belém, Teatro Viriato e TNSJ e está em cena esta sexta-feira às 21h, este sábado às 19h, e no domingo, às 16h.
O preço dos bilhetes varia entre os 7,5 euros e os 16 euros.

PUBLICIDADE - CONTINUE A LEITURA A SEGUIR

PUB
PD-Bairro Feliz